Setor de Comunicação Integrada

imagem do site
Newsletter Newsletter RSS RSS

Pacientes com Parkinson têm melhoras significativas com projeto da Unesc

Pacientes com Parkinson têm melhoras significativas com projeto da Unesc
Valdemiro deixou a cadeira de rodas por conta dos exercícios (Foto: Mayra Lima) Mais imagens

Aos 66 anos Valdemiro Henrique foi diagnosticado com o mal de Parkinson, uma doença degenerativa que atinge cerca de 4 milhões de pessoas no mundo. Há alguns meses atrás, ele teve uma complicação e acabou indo parar em uma cadeira de rodas. Mas o que Valdemiro não esperava é que a Unesc poderia ajudar. Hoje ele já consegue andar sozinho, sem nem precisar de muletas, e se sente melhor a cada dia de tratamento.

A melhora se deu por conta dos exercícios físicos desenvolvidos pelo projeto de pesquisa da mestranda do PPGCS (Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde), Hérica Salvaro. Para Valdemiro, que já havia feito diversos outros tratamentos, a melhora foi uma grande surpresa. “Esse foi o único tratamento que deu certo pra mim. Os exercícios me ajudaram a voltar a andar, minhas pernas têm mais força agora, cada dia é uma evolução diferente”, comentou.

Além dos exercícios, Valdemiro também criou um grande vínculo com equipe do projeto e com os seus colegas de tratamento. “Eles atendem a gente muito bem aqui na Unesc. O carinho é o melhor remédio para nós. Sinto falta quando não é o dia de encontro do grupo, somos todos grandes amigos”, ressaltou.

Entenda o Parkinson

Segundo Hérica Salvaro, a principal característica da doença é a degeneração dos neurônios dopaminérgicos. “Esses neurônios são responsáveis principalmente pelo nosso movimento. Por isso que as pessoas com a doença apresentam tremor, dificuldade para caminhar, postura afetada, entre outros sintomas”, contou a mestranda.

Hérica afirmou ainda que diversos estudos apontam o exercício físico como ferramenta para reduzir a degeneração desses neurônios específicos, o que serviu como ponto de partida para o desenvolvimento da pesquisa na Unesc. “Com a prática eles sentem melhora na caminhada, na postura, diminuição do tremor, diminuição do risco de quedas, melhora do equilíbrio e de outros sintomas”, ressaltou.

Pesquisa é a chave para o tratamento

O tratamento é todo baseado em estudos, ele inclui exercícios de aquecimento, fortalecimento muscular, treino de equilíbrio e coordenação, exercícios respiratórios além de exercícios de reabilitação vestibular. As atividades são realizadas três vezes por semana, durante 50 minutos aproximadamente, sempre no período matutino.

Para Hérica, melhorar a vida das pessoas por meio da pesquisa é uma grande conquista. “Quando se trabalha com pesquisa, temos que ter dedicação exclusiva, dias de estudos, de testes, experimentos, temos que ter uma entrega total, porém quando teremos os resultados em mãos e quando olhamos os pacientes felizes e cada vez melhores, com certeza tudo isso vai ter valido a pena. É gratificante saber que não serão só essas pessoas beneficiadas e sim as pessoas com Parkinson do mundo inteiro”, contou a mestranda.

A vida do Ademar também mudou


Outro participante do projeto que sentiu uma evolução grande foi o Ademar Pacheco. Hoje ele sente uma segurança muito maior para caminhar, segurar objetos e diversos outros movimentos diários. “Desde que adotei o exercício a minha vida mudou. O Parkinson muitas vezes trava os meus movimentos, mas quando me sinto assim em casa já faço alguns exercícios orientados pela equipe e me sinto melhor”, comentou.

Ademar também ressaltou a grande família que ganhou com o projeto. “Além de sentir a minha melhora, ver os meus amigos evoluindo diariamente, junto comigo, também traz uma felicidade muito grande. Nós nos unimos muito e isso dá força para todos nós”, afirmou. 

O projeto

O projeto, intitulado “Efeitos do Exercício Físico sobre a Resposta Inflamatória Sistêmica, Parâmetros de Estresse Oxidativo Plasmático e Sistema Vestibular em Pacientes com Doença de Parkinson”, tem orientação do professor Ricardo Pinho e ocorre no Lafibe (Laboratório de Fisiologia e Bioquímica do Exercício) da Unesc. Para mais informações entre em contato pelo telefone 3431-2532.

“Durante anos o meu grupo vem estudando em animais os efeitos do exercício sobre diversos mecanismos celulares na doença de Parkinson. Foi com base nisso que estamos promovendo uma translação daquilo que encontramos neste estudos, aplicando agora em humanos, com o objetivo central em reduzir a progressão da doença e melhorar a condição de vida desses pacientes”, comentou Pinho.

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Postado por: Mayra Lima - mayralima@unesc.net 18 de janeiro de 2017 às 14:38
Compartilhar Comente

Unesc oferece benefício para funcionários de empresas conveniadas

Unesc oferece benefício para funcionários de empresas conveniadas
Matriculados até 31 de janeiro podem participar dos Descontos Corporativos (Foto: Arquivo) Mais imagens

Para quem já desenvolve uma atividade profissional e quer investir em sua carreira, a Unesc oferece os Descontos Corporativos. Direcionado para funcionários de empresas conveniadas, eles beneficiam os estudantes com 15% de desconto nas mensalidades durante todo o curso de graduação. É uma oportunidade para quem quer se qualificar e conquistar novos espaços dentro do mercado de trabalho.

O benefício é válido para as matrículas feitas até o dia 31 de janeiro de 2017, e oferece vagas em diversos cursos da Universidade.

Para solicitar os Descontos Corporativos, o candidato precisa ter sido aprovado em um dos processos seletivos da própria Universidade, como o Escolha Unesc, cujas matrículas devem ser feitas presencialmente na Centac (Central de Atendimento ao Acadêmico), no campus e por ordem de chegada.  Para quem deseja ganhar tempo é só acessar (clique aqui), adiantar o formulário de inscrição e saber mais sobre o processo.

Pelo Escolha Unesc, a seleção para entrar na universidade, no primeiro semestre de 2017, ocorre pelo histórico escolar. Se o candidato tiver média no Ensino Médio de no mínimo 6 pontos, preencher os demais critérios de seleção exigidos – e de acordo com a disponibilidade de vagas do curso escolhido – poderá efetuar a matrícula no mesmo período da inscrição. Nesse momento, os profissionais devem solicitar o Descontos Corporativos, tendo em mãos a Carteira de Trabalho e contracheque ou folha de pagamento dos últimos três meses, comprovando seu vínculo em uma empresa conveniada, cuja lista será divulgada no site e diretamente na Unesc.

Vale lembrar que este benefício não é acumulativo com outros descontos ou bolsas de estudos e que deverá ser renovado a cada semestre na Centac por meio da documentação que comprove a manutenção do vínculo.

As empresas que desejarem se conveniar, devem entrar em contato com a Centac pelo telefone (48) 3431-2545 ou pelo e-mail centac@unesc.net.

Saiba mais


Escolha Unesc

Descontos Corporativos

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Postado por: Milena Spilere Nandi 18 de janeiro de 2017 às 18:54
Compartilhar Comente

Últimas vagas para especializações na área Empresarial

Últimas vagas para especializações na área Empresarial
Universidade abre novas turmas em três cursos de MBA (Fotos: Divulgação) Mais imagens

Profissionais das áreas de Administração, Ciências Contábeis, Engenharia da Produção, Economia e Gestão de Pessoas que querem iniciar o ano investindo em sua carreira têm à disposição três opções de cursos de pós-graduação na área Empresarial oferecidos pela  Unesc. São as últimas vagas para as turmas do primeiro semestre de 2017 no MBA Gestão de Negócios e Estratégia Competitiva, MBA Executivo em Controladoria e Finanças e MBA Executivo de Pessoas e Coaching​.

Os cursos têm aulas quinzenais às sextas-feiras das 19 às 22 horas e aos sábados das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas. As inscrições podem ser feitas no Setor de Pós-Graduação da Unesc, localizado no Bloco P da Universidade, das 13h30 às 19h30 (em janeiro) e das 8 às 12 horas e 13h30 às 22 horas (a partir de fevereiro). Ainda é possível se inscrever pelo e-mail pos@unesc.net ou pelo telefone (48) 3431-2626. As aulas têm previsão de início em março.

MBA Gestão de Negócios e Estratégia Competitiva

Capacitar profissionais para o desenvolvimento e aprimoramento de técnicas de gestão organizacional, interessados na obtenção de padrões excelentes de qualidade e níveis competitivos de produtividade é o objetivo do MBA Gestão de Negócios e Estratégia Competitiva.

Durante as aulas, os alunos terão contato com disciplinas como Finanças Coorporativas, Análise Estratégica de Investimentos, Sustentabilidade Organizacional, Logística Empresarial, Estratégias de Marketing, Liderança e Coaching e Inovação e Gestão do Conhecimento.

MBA Executivo em Controladoria e Finanças

Empresários, empreendedores, profissionais de Gestão, contadores, administradores, economistas e demais interessados em gestão de negócios com nível superior podem ampliar o conhecimento técnico com o MBA Executivo em Controladoria e Finanças.

Cenários Econômicos, Contabilidade Financeira, Auditoria e Controles Internos, Gestão Tributária, Estratégia e Planejamento Estratégico, Sistema de Informações Gerenciais, Responsabilidade Social Corporativa e Gestão de Pessoas e Competências Organizacionais estão entre as disciplinas da especialização.

MBA Executivo de Pessoas e Coaching​

O curso MBA Executivo em Gestão de Pessoas e Coaching tem como objetivo desenvolver a excelência estratégica em Gestão de Pessoas, bem como a alta performance a competência de liderança em profissionais atuantes ou não no mercado. O conteúdo do curso tem foco em Coaching, que irá aprimorar no aluno sua performance pessoal e profissional, habilidades de negociação, autopercepção e entendimento para atuar como Líder Gestor.

Gestão Estratégica dos Processos de Recursos Humanos, Gestão da Cultura e Clima Organizacional, Legislação Trabalhista, Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas, Gestão da Qualidade de Vida, Segurança, Meio Ambiente e Saúde no Trabalho, Endomarketing e Liderança Coaching são algumas das disciplinas oferecidas pelo curso.

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Postado por: Milena Spilere Nandi 17 de janeiro de 2017 às 17:50
Compartilhar Comente

Por que uma Universidade Comunitária muda a vida das pessoas?

Por que uma Universidade Comunitária muda a vida das pessoas?
Instituições de ensino com este caráter não têm fins lucrativos (Foto: Arquivo) Mais imagens

Universidade Comunitária. Você já ouviu falar nela? Elencamos oito fatos para você entender o funcionamento destas instituições, que ainda soa como algo novo para muitas pessoas.

Você sabe porque estudar em uma é interessante não apenas para a sua formação profissional? Assim como para o seu currículo como cidadão? Sabe quem também ganha com isso? A sociedade!

Vamos aos fatos?

1 – Nascemos da comunidade
A Unesc faz parte de um grupo de instituições catarinenses que foram criadas pelo poder público municipal pra expandir o Ensino Superior a cidades menores – antes a concentração de oportunidades estava em Florianópolis.

2 – E somos da comunidade
A Unesc é do povo! Uma Universidade Comunitária não tem um dono específico e toda a infraestrutura é da sociedade. Assim, se as atividades dela encerrarem, tudo que há no campus passa para a cidade, que vai gerir o patrimônio.

3 – Aqui a gente não pensa em lucrar
As Universidades Comunitárias não visam lucro. Cobram mensalidade porque precisam deste recurso para pagar seus funcionários e professores, cuidar da infraestrutura, fazer melhorias e investir em projetos sociais. Ou seja. Todo o dinheiro volta para beneficiar a Instituição, seus alunos e a comunidade.

4 – Ensino, pesquisa e extensão pra uma melhor formação

Todas as ações da Unesc giram em torno do tripé ensino, pesquisa e extensão. E sabe o que isso significa? Educação de qualidade – reconhecida como de excelência pelo MEC, inclusive. Quando você entra pra família Unesc, pode ir além da sala de aula. Os nossos alunos participam de grupos e projetos de pesquisa e de atividades de extensão. Aliam a investigação científica ao trabalho com a comunidade, ensinando e aprendendo com as pessoas.

5 – Atendimentos dentro do campus
E por falar em projetos de extensão, a Unesc, por exemplo, desenvolve ações dentro e fora do campus para beneficiar a sociedade. Além dos projetos em que alunos e professores vão até os Bairros de Criciúma e região, há atendimento gratuito em saúde dentro do campus nas Clínicas Integradas e na UJC (Unidade Judiciária de Cooperação). Isso sim é sair da caixa e olhar diferente né?

6 – Democracia

Todo mundo na Unesc tem voz e vez. O reitor e o vice, assim como as coordenações de cursos, são eleitos por voto direto e universal. Ou seja, cada voto tem o mesmo valor.

7 – Bolsas e descontos
Diferente do que ocorre em uma instituição particular, na Comunitária há uma série de bolsas e descontos para colaborar com a igualdade de oportunidades na Educação Superior. Tem ProUni, tem Nossa Bolsa Licenciatura (com bolsas de até 100%), tem Descontos Corporativos (para funcionários de empresas conveniadas à Unesc), descontos para pessoas acima de 50 anos, para egressos da Universidade, para segunda habilitação, e por aí vai. Ah, e ainda as bolsas para estudantes que participam de projetos de iniciação científica e de extensão.

8 – Somos uma teia
“Na Instituição, nós estamos ligados em uma teia de sentidos, significados e compromissos. Assim como temos essa ligação com a comunidade. Tudo aquilo que a Instituição faz que eleva a Universidade, eleva a comunidade junto. E vice-versa. Tudo o que acontece de bom na comunidade, reflete positivamente na Unesc”. A afirmação vem do reitor Gildo Volpato.

E então? Quer ser comunitário também?

#escolhaunesc

Pra fazer parte do time Unesc você tem a opção do ingresso pelo histórico escolar. Clique aqui para conhecer todos os cursos, possibilidades e se inscrever.

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Postado por: Milena Spilere Nandi 17 de janeiro de 2017 às 15:18
Compartilhar Comente

Alunos de Design são destaque em concursos internacionais

Alunos de Design são destaque em concursos internacionais
Novo desafio será criar peças para Vista Alegre, de Portugal (Foto: Divulgação) Mais imagens

O ano de 2017 do curso de Design – ênfase em Projeto de Produtos da Unesc começou com o reconhecimento do talento de seus alunos. Os projetos dos seis acadêmicos da Universidade estão entre os dez finalistas de um concurso internacional de design de produtos promovido pela empresa belga Nimble Bee e voltado para universitários. Os alunos da Unesc são os únicos brasileiros na final do concurso, competindo com projetos de estudantes do México, Bélgica, Espanha e França. O resultado do concurso sairá em fevereiro.

Segundo o coordenador do curso de Design da Unesc, João Luis Rieth, a empresa inglesa que solicitou o concurso à Nimble Bee decidiu adquirir os direitos autorais de projetos dos estudantes da Unesc, independente do resultado do concurso. Neste concurso, representam o Brasil os alunos Mariani Coelho, Keila Pereira, Anderson Paes, Douglas Quadros, Vitória Hahn e Daniele Oliveira.

Outra novidade que envolve o curso de Design é a parceria com a empresa de porcelanas Vista Alegre, de Aveiro, Portugal, na qual estudantes da Unesc vão desenvolver projetos podendo receber um estágio de três meses na sede da empresa. “O estudante que tiver o projeto escolhido vai acompanhar todo o processo de design da Vista Alegre, com despesas pagas. No Brasil, além da Unesc, apenas a PUC do Rio de Janeiro tem essa parceria com a Vista Alegre”, conta.

A fábrica Vista Alegre foi fundada em 1824 em Portugal e atualmente oferece produtos em porcelana, cristal, vidro e cutelaria para consumidores como a família real britânica. 

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Postado por: Milena Spilere Nandi 16 de janeiro de 2017 às 19:25
Compartilhar Comente