Editora

Saúde emocional dos acadêmicos em tempo de pandemia é debatido em evento do Programa Acolher

Saúde emocional dos acadêmicos em tempo de pandemia é debatido em evento do Programa Acolher
Evento foi realizado em comemoração ao Dia do Estudante( Fotos: Décio Batista ) Mais imagens

A Unesc está sempre preocupada com a segurança e com a qualidade de vida da comunidade acadêmica. Por isso, na noite desta terça-feira (10/8), realizou um importante debate sobre saúde mental durante a pandemia. O evento realizado pelo Programa Acolher, foi alusivo ao Dia do Estudante (11/8) e ocorreu de forma híbrida, contando com a participação de gestores universitários, professores e profissionais da área de saúde e representação estudantil. 

Com o tema: “Como é ser estudante em tempos de pandemia para você?", o evento debateu as condições dos discentes em tempo de Covid-19 e o que este momento vivido pode estar provocando nos acadêmicos.

Muitos assuntos foram abordados, entre eles o processo de luto, relações sociais, estresse, ansiedade e convívio familiar. O debate virtual, mediado pelo psicólogo clínico e coordenador do Acolher, Zolnei Vargas de Córdova, teve a participação da reitora da Unesc e idealizadora do Programa Acolher, Luciane Bisognin Ceretta; da psicóloga especialista em Psicologia Cognitiva Comportamental e Gestão Estratégica de Pessoas, Rosimeri Vieira; da psicóloga clínica do Programa Acolher, Jalila Musa Rahman; das psicólogas e residentes do Programa de Residência Multiprofissional em Saúde Mental e Atenção Psicossocial da Unesc, Beatriz Dieke Moreira e Lauriane Pizzoni e do presidente do Diretório Central dos Estudantes (DCE), Douglas Leffa.

A reitora, Luciane Bisognin Ceretta, aproveitou a oportunidade para refletir sobre o cuidado à saúde emocional  dos estudantes, professores e  dos colaboradores. “Sou muito sensível a este tema. Recebo confissões de muitas pessoas sobre o seu estado emocional e devido a isto, surgiu a necessidade da implantação de um programa voltado para atender esta demanda.  É importante colocar que esse cenário de constante mudança é anterior a vida academia. É  um quadro de muitas transformações pelas quais os nossos estudantes passam em áreas das suas vivências. Somam-se aí  a ansiedade  pela vida acadêmica, novas rotinas e novos compromissos. Se estas alterações já não bastassem, ainda vem uma pandemia para impor várias regras, necessárias, para a sua vida. E nós gestores universitários temos que dar atenção e tratar a saúde mental e emocional dos nossos acadêmicos”, avaliou.

O coordenador do programa Acolher, Zolnei Vargas de Córdova, explicou o motivo da escolha do tema da noite. “Nosso objetivo foi  de compreender que passamos por um período de isolamento social, onde fomos robotizados por essa pandemia, que nos travou a sermos o que nós éramos, a pensarmos como deveríamos pensar. A partir daí fomos estruturando vários pontos sobre a nossa existência e caminhos que precisávamos dar sobre as nossas vidas. Dentro dos atendimentos individuais e do processo psicoterápico, surgiram alguns eixos importantes para nossa discussão como: isolamentos social, convívio familiar e o emaranhamento dentro da família,  o estresse e a ansiedade, as condições das relações sociais, bem como o processo de luto dentro de olhar da Psicologia”, esclareceu o professor. 

Segundo o representante estudantil, ele não imaginava as proporções que a pandemia iria tomar no país. “No início da pandemia, não acreditávamos na sua força. Criamos expectativas para o fim do caos e nada, aí começou a nossa frustração. Depois surgiu o processo de luto, a ansiedade, junto com o não saber o que fazer amanhã. Então esse momento afetou demais a todos nós estudantes, mas acredito que hoje estamos todos melhores, graças ao programa que auxiliou vários alunos da Universidade” relatou o Leffa.

Programa Acolher

O Acolher é um programa criado com foco na saúde mental dos estudantes da Unesc e que durante a pandemia passou também a acolher pessoas de toda a comunidade. O Programa completou 1 ano de vida em outubro de 2020 e ano passado, junto com o SOS Covid-19, realizou atendimentos a toda a comunidade do Sul e Extremo Sul catarinense. Durante os 12 meses de 2020, os profissionais do Acolher atenderam mais de 2.200 pessoas. Os atendimentos podem ser agendados pelo email: acolher@unesc.net ou pelo telefone 3431.2506 no horário comercial.

O evento poderá ser assistido ou revisto através do canal da Unesc TV  no YouTube, clicando aqui 

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

11 de agosto de 2021 às 21:35
Compartilhar Comente