Tecnologia em Design de Moda

imagem do site
Newsletter Newsletter RSS RSS

Curso de Design em Moda participa das atividades do Movimento Fashion Revolution

Curso de Design em Moda participa das atividades do Movimento Fashion Revolution
Mais imagens

Nesta semana, o curso de Design em Moda Unesc/Senai está realizando atividades inseridas no Movimento Fashion Revolution. As ações desenvolvidas em Criciúma iniciaram nesta segunda-feira (23/4) com o hasteamento da bandeira de retalhos e a exibição do documentário “Unravel” e seguem até esta quinta-feira (26/4).

“O Movimento Fashion Revolution é um manifesto mundial para ‘desenvolver’ a consciência nas pessoas de como as nossas roupas são produzidas. Paralelo a este movimento, diversas instituições e pessoas desenvolvem ações e atividades para reforçar esta consciência. E nós contribuímos com o movimento por meio de atividades diferenciadas dentro da instituição de ensino”, explica a coordenadora do curso de Moda Unesc/Senai, Charlene Vicente Amâncio.

Nesta terça e quarta-feira (24 e 25/4) será realizada a campanha “Quem fez minhas roupas”. Na quinta-feira, as atividades terão início às 19h30 com a apresentação do Fashion Revolution e às 19h40, uma mesa redonda sobre o movimento Slow e a Moda. A atividade contará com a participação de Jacque Lodetti, do Studio Jacque Lodetti. Ainda na quinta-feira será realizada mais uma edição do Re(Bazar), no Senai de Criciúma, que possibilita a troca de uma peça sua por outra, estimulando assim a prática da sustentabilidade.

“Envolvemos todos os acadêmicos, inclusive na atividade da confecção da bandeira que simboliza o movimento. Cada um participou com a confecção de um retalho e unimos todas na bandeira que foi hasteada”, comenta Charlene.

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

24 de abril de 2018 às 15:53
Compartilhar Comente

Estudantes de Moda estimulam a solidariedade com a confecção de roupas para bebês

Estudantes de Moda estimulam a solidariedade com a confecção de roupas para bebês
Peças serão doadas para o Hospital São José (Fotos: Novo Texto) Mais imagens

Incentivar a solidariedade de uma forma que valorize o aprendizado foi um dos motivos que fizeram os alunos do curso de Tecnologia em Design de Moda da Unesc/Senai a desenvolver um projeto onde serão confeccionadas roupas de bebês para serem doadas ao Hospital São José. A iniciativa da professora Vilma Caleffi, que ministra a disciplina de laboratório de confecção de protótipos na 5ª fase, foi abraçada pelos alunos que estão na etapa de confecção das peças.

"Durante as aulas percebemos que os acadêmicos tinham o interesse de contribuir de alguma forma e fazer o bem de uma maneira mais prática. Foi então que surgiu esta iniciativa. Cada aluno escolheu os seu tecido ou modelo de roupa para um recém-nascido e confeccionou a peça”, esclarece a professora.

Ao todo, mais de 100 peças serão doadas graças ao trabalho voluntário dos alunos. “Este é uma trabalho que nos faz crescer em aprendizado, mas muito mais como pessoa. Vamos trabalhar as habilidades que são propostas pela disciplina, mas também fazer a nossa parte e ajudar as pessoas”, garante o acadêmico, Patrick Candiotto.

A ideia é que as peças sejam entregues, após serem totalmente finalizadas pela turma, em maio, no Hospital São José de Criciúma.

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

09 de abril de 2018 às 17:32
Compartilhar Comente

Design de Moda Senai/Unesc estimula consumo consciente com o (Re)bazar

Design de Moda Senai/Unesc estimula consumo consciente com o (Re)bazar
Ação possibilitou a troca de roupas em evento realizado na Praça do Congresso (Jessica Pereira) Mais imagens

O (Re)bazar, uma feira de troca de roupas realizada pelo curso de Tecnologia em Design de Moda Senai/Unesc, ganhou um novo local para ser realizado. Para esta edição, os organizadores inovaram e atenderam ao público durante o PIKNIK Coletivo que foi realizado neste sábado, dia 24, das 15h às 20h, na Praça do Congresso, em Criciúma.

“Muitas pessoas trouxeram peças para trocar, foi muito positivo. É a primeira vez que participamos deste evento e aqui é uma ótima oportunidade para mostrarmos essa nova cultura, em vez de jogar a roupa fora, elas podem trocar e levar uma outra para casa” explica o professor do curso, Roger Arend.

Sob a temática “Troque as roupas que você já amou por outras que você vai amar”, o Rebazar faz com que, roupas que seriam descartadas e estão em bom estado, se tornem moedas de troca para que as pessoas possam renovar o guarda roupa de uma forma sustentável.

“Foi uma experiência incrível participar desta edição, principalmente porque conseguimos abranger todos os públicos. Todos apoiaram a iniciativa”, garante o acadêmico do curso de moda, Erick Rodrigues.

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

26 de março de 2018 às 15:25
Compartilhar Comente

Colação de grau especial: acadêmicos da Unesc dão novo passo rumo ao mercado de trabalho

Colação de grau especial: acadêmicos da Unesc dão novo passo rumo ao mercado de trabalho
Mais de 250 estudantes recebem os diplomas de conclusão de curso nesta semana (Foto: Leonardo Ferreira) Mais imagens

Eles entraram na Unesc como calouros e em uma noite especial receberam seu Diploma acadêmico. A cerimônia de coleção de grau, promovida no auditório Ruy Hülse, nas noites destas quarta e quinta-feira (7/2 e 8/2), recompensou os anos de estudos, a dedicação e o empenho dos quase 180 formandos deste semestre. Os aluos concluíram o curso superior na Unesc e receberam seus diplomas em solenidade de colação especial realizada pela Universidade.

Os formandos dos cursos Arquitetura e Urbanismo, Direito, Administração, Comercio Exterior, Artes Visuais, Ciências da Computação, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Design, Educação física, Engenharia Ambiental e Sanitária, Engenharia Química, Engenharia Civil, Engenharia de Agrimensura, Letras, Matemática, Pedagogia, Tecnologia em moda e Tecnologia em Jogos Digitais foram reunidos nas primeiras filas do auditório para o pronunciamento do juramento, oficializados pelo vice-reitor, Daniel Preve. “Recebo vossos juramentos e outorgo o grau de graduação. Podeis exercer a profissão”, legitimou o professor.

Esforço e reconhecimento

O destaque das cerimônias foi a estudante do curso de Design, Larissa Peterle. Ela descobriu a profissão ao longo dos anos na Universidade e nesta noite foi reconhecida com a maior média acadêmica dentre os estudantes de Design e recebeu o certificado de honra ao mérito. “Uma grata surpresa. Em meio ao nervosismo pararam a cerimônia e chamaram meu nome, foi um susto. No fim o susto virou felicidade”, conta a acadêmica, que recebeu a placa das mãos do presidente da Acic (Associação Empresarial de Criciúma), Moacir Dagostim.

Durante a solenidade, acompanhada por um auditório lotado, os canudos foram entregues pelos coordenadores e professores dos cursos presentes.

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

08 de fevereiro de 2018 às 20:01
Compartilhar Comente

EnModa traz as Macrotendências para o Verão 2019

EnModa traz as Macrotendências para o Verão 2019
Evento é produzido pelos professores e alunos da Unesc/Senai (Fotos: Mayra Lima) Mais imagens

Criatividade, cultura, arte e atitude. Foi assim que os estudantes do curso de Design de Moda da Unesc/Senai levaram as macrotendências para o Verão 2019 até a passarela da 17ª edição do EnModa. Desfile de peças, exposições fotográficas e de projetos encantavam os olhos daqueles que passavam pelo evento, que ocorreu nesta quarta-feira (13/12), na AM Master Hall.

Entusiasmada com o desfile, a blogueira Thayane de Bem ressaltou o trabalho realizado pelos alunos, que trouxeram para a passarela inspirações diferenciadas. “Diversas produções me chamaram a atenção. Foram peças com modelagem marcando a silhueta, toques da arte surrealista, recortes inovadores e representatividade urbana, a exemplo do grafite. Esse é o tipo de caminho que os estilistas devem passear, trazendo para o mundo da moda a arte do nosso cotidiano”, comentou Thayane, que traz o seu olhar sobre as tendências no Blog Soltando as Onças.

Segundo ela muitos estilistas levam para seus desfiles peças que se tornam difíceis de usar no dia a dia. “Mas hoje, no EnModa, inúmeras produções podem ser aplicadas fora da passarela. Os alunos foram além dos brilhos e dos paetês, renovando a alfaiataria e trabalhando por meio da inovação”, fortaleceu a blogueira.

Enmoda


O desfile é apresentado pelos estudantes da sexta fase do curso. Já a segunda fase apresentou a exposição do projeto “Con.cei.to”, utilizando bonecas com roupas conceituais. A quarta fase levou para o evento a exposição fotográfica do projeto "Coleção Capsula". As produções são criadas em parceria com empresas de confecção da região, desta forma, os acadêmicos vivenciam entre teoria e prática toda a experiência em colocar uma coleção na passarela.

“Durante o segundo semestre, os acadêmicos desenvolvem, de forma interdisciplinar, projetos específicos, em cada fase do curso, que estimulam o potencial criativo e os possibilitam vivenciar atividades que são desenvolvidas nas empresas, desde a pesquisa, criação, desenvolvimento e comunicação do produto de moda”, ressaltou a coordenadora do curso, Charlene Amâncio.

Segundo a professora, o evento tem o objetivo de gerar conhecimento, participação e integração de educação, indústria e sociedade, bem como, preparar os alunos para o mercado de trabalho na área de moda.

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Por: Mayra Antonio De Lima 13 de dezembro de 2017 às 22:38
Compartilhar Comente