AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

CEC e Comcri têm novos eleitos

CEC e Comcri têm novos eleitos
Eleição foi realizada por aclamação no Fórum Integrado de Cultura de Criciúma, realizado na Unesc (Fotos: Divulgação) Mais imagens

O 3º Fórum Integrado de Cultura de Criciúma, evento realizado na noite de quinta-feira (21/03) na Unesc contou, entre outras atividades, com a eleição para representantes do CEC (Conselho Estadual de Cultura) e da COMCCRI (Conselho Municipal de Políticas Culturais de Criciúma).

Em eleição feita por aclamação foram eleitos na Etapa Municipal para o CEC de Santa Catarina - Gestão 2019-21 os representantes Franklyn dos Passos, para cultura popular; Maxwell Sander Flor, para dança; Lucas Quagliotto, para letras; Samarone Pereira dos Santos, para música; Antonio Rozeng, para teatro; Danielli Zacarão, para artes visuais; Hellen Barros Manenti, para patrimônio cultural imaterial; Michele dos Santos Maciel, para patrimônio cultural material e Lucas Gonçalvez, audiovisual, sendo que as vagas para arquivo, biblioteca e museus não tiveram candidatos. Já para o COMCCRI foram eleitos Rafael Amaral, Antonio Rozeng e Franklyn dos Passos.

O evento ainda contou ainda com a palestra “As novas áreas artístico-culturais do CEC e seu papel na organização dos sistemas setoriais de cultura”, com o Antropólogo Social, Eugênio Pascele Lacerda.

A ação foi organizada pelo COMCCRI e a pela FCC (Fundação Cultural de Criciúma), e conta com a parceria institucional da Unesc, do curso de Artes Visuais (Bacharelado e Licenciatura) e do curso de Teatro (Bacharelado).

Mayara Cardoso -  Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Mayara Cardoso 22 de março de 2019 às 20:22
Compartilhar Comente

Unesc recebe o ministro Marcos Pontes na próxima sexta-feira

Unesc recebe o ministro Marcos Pontes na próxima sexta-feira
Personalidade brasileira, Pontes abordará o tema “Perspectivas da Ciência e Tecnologia no Brasil atual” (Foto: Divulgação/Fieam) Mais imagens

A Unesc abrirá suas portas na próxima sexta-feira, dia 29 de março, para a palestra do atual ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes. Conhecido como o primeiro astronauta brasileiro a participar de uma missão espacial, Pontes possui vasto currículo profissional e, à frente da pasta, trará a Criciúma informações importantes sobre as “Perspectivas da Ciência e Tecnologia no Brasil atual”. A palestra será realizada no Auditório Ruy Hülse a partir das 19h30. O evento é direcionado a reitores do sistema Acafe, empresários, parlamentares, alunos e professores dos mestrados e doutorados da Universidade, marcando o início das atividades de 2019 dos Programas.

O engenheiro aeronáutico formado pelo ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica) e mestre em Engenharia de Sistemas pela Naval Postgraduate School, Califórnia (EUA), promete trazer a Criciúma informações sobre a atual situação do ministério que lidera e o que já está sendo realizado na pasta. Em palestra recentemente em uma universidade no Rio de Janeiro, Pontes destacou a importância do envolvimento daqueles que possuem ideias que podem ser colocadas em prática no país. “Nós precisamos ter a participação de todo mundo e a universidade é um lugar de ideias. Vamos juntar nossos conhecimentos para que a gente possa colocar a ciência e a tecnologia e educação no plano que merecem”, comentou na oportunidade.

A importância de mudar o cenário no que diz respeito ao assunto atualmente no país, conforme o ministro, é imensurável e demanda um trabalho forte. “Se não tiver ciência, tecnologia e educação muito desenvolvidas dentro de um país este não vai conseguir ter algum protagonismo no planeta. Nós precisamos disso para ter mais valor agregado nos nossos produtos, para ter maior qualidade de vida, mais riqueza girando dentro do país, para ter mais empregos, para que vocês possam empreender. Para isso precisamos de conhecimento, habilidade, atitude e competência”, pontuou.

Marcos Pontes virá a Criciúma por meio de convite formalizado pela reitora da Unesc, Luciane Bisognin Ceretta, em visita ao Ministério no dia 29 de janeiro.

O ministro

Nascido em SP, em 1963, Marcos Pontes é Mestre em Engenharia de Sistemas, Engenheiro Aeronáutico, Piloto de Testes de Aeronaves e Astronauta Profissional Especialista de Missão. Atualmente, ocupando a cadeira de ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Pontes atua ainda como palestrante motivacional, coach especialista em desempenho pessoal e profissional, consultor técnico e especialista em segurança operacional. É Empresário, Diretor de Operações da Agência Marcos Pontes Turismo de Aventuras, Diretor Técnico do Instituto Nacional para o Desenvolvimento Espacial e Aeronáutico, Embaixador das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial, Presidente da Fundação Astronauta Marcos Pontes, Embaixador da Marca Integra Optics e Autor de quatro livros: “Missão Cumprida”, “É Possível! Como transformar seus sonhos em realidade”, “O Menino do Espaço” e “Caminhando Com Gagarin”, todos publicados pela editora Chris McHilliard do Brasil.

Mayara Cardoso - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Mayara Cardoso 22 de março de 2019 às 18:54
Compartilhar Comente

Unesc leva ações de conscientização à Praça Nereu Ramos no Dia Mundial da Água

Unesc leva ações de conscientização à Praça Nereu Ramos no Dia Mundial da Água
Atividades envolveram diversos setores da Universidade e 11 escolas da Gered (Fotos: Vitor Netto) Mais imagens

Segundo dados da ANA (Agência Nacional de Águas), “estima-se que 97,5% da água existente no mundo é salgada e não adequada ao consumo humano direto nem à irrigação da plantação”. Já o número de água doce, de 2,5%, tem a sua maior parcela, que corresponde a 69%, considerada de difícil acesso. Nesta sexta-feira, comemorou-se o Dia Mundial da Água e, além de celebrar este bem natural tão precioso e necessário para a sociedade, a data serve para relembrar destes números alarmantes e de trabalhar pela conscientização e preservação da água.

A Unesc, com o seu comprometimento com a preservação do meio ambiente, realizou na tarde desta sexta-feira (22/3) ações de conscientização e preservação da água e de assuntos relacionados ao Rio Criciúma. As atividades ocorreram na Praça Nereu Ramos e contaram com a participação de diversos setores da Universidade e de 11 escolas da Gered (Gerência Regional de Educação) de Criciúma.

Projetos inovadores

De acordo com a professora da Unesc, Andrea Rabello, a ação teve o intuito da propagação de conhecimento sobre a água. “A partir da parceria com a Gered, as escolas desenvolveram trabalhos e estudos sobre o assunto, sobre a importância da água e seus impactos e os estudantes trouxeram os trabalhos aqui na ação para apresenta-los”, explicou.

Um exemplo é o estudante do 2º ano do Ensino Médio do Cedup (Centro de Educação Profissional) Abílio Paulo, Yuri Lopes Machado, que utilizou o seu conhecimento em informática para propor medidas para a preservação da água e do meio ambiente. Em seu projeto, ele apresentou os principais tipos de contaminação dos lençóis freáticos e uma maquete em 3D de uma barragem de resíduos sólidos.

Conforme o estudante, a atividade proporcionou ampliar seus conhecimentos sobre a água. “Foi um projeto dinâmico, em que nós tivemos que ir atrás das informações, uma atividade realizada até mesmo fora da sala de aula, ou seja, tivemos que correr atrás das informações e estudar o assunto”, comentou. Com tanto empenho, o aluno mostrou que realmente aprendeu sobre o assunto. “A contaminação é um processo causado pela ação do ser humano e que acaba acarretando em nós mesmos”, acrescentou.

Conscientização sobre o Rio Criciúma

Outras atividades realizadas na ação contaram com a temática do Rio Criciúma. O rio já serviu de componente essencial para o desenvolvimento da cidade e hoje encontra-se escondido. Um exemplo, de acordo com o coordenador da Comissão Permanente de Meio Ambiente e Valores Humanos da Unesc, Carlyle Torres Bezerra de Menezes, é o local onde foi realizada a atividade, pois o rio passa por baixo da Praça.

De acordo com Carlyle o objetivo da ação foi de sensibilizar a sociedade para causas da água da região e do Rio Criciúma. “A maioria da população não conhece o rio, mas ele tem vida, ele está presente em nós e tem a possibilidade de renascer”, enfatizou.

Os pontos que o professor destaca sobre a atenção para o Rio Criciúma são as questões que envolvem as nascentes, a liberação de esgoto no rio, a poluição das bocas de mina que tem contato com o rio e os produtos de empresas que não são corretamente descartados. “Para ele ter vida, precisamos preservar as nascentes, pois não adianta trabalharmos onde ele corre, se a nascente não estiver boa”, comentou o coordenador.

A atividade na Praça Nereu Ramos contou com a participação do PPGCA (Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais), do PPGE (Programa de Pós-Graduação em Educação), Museu de Zoologia da Unesc Morgana Cirimbelli Gaidzinski, e dos cursos de Engenharia Ambiental e Sanitária, Ciências Biológicas, Geografia, Artes Visuais, Teatro, História, Letras, Matemática e Pedagogia.

Junto a ação realizada na Praça, a Unesc TV produziu um vídeo-documentário sobre o Rio Criciúma, em que apresenta a história do rio e suas interferências, pois mesmo silencioso, está presente no cotidiano da cidade.

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Vitor Netto Henrique 22 de março de 2019 às 17:39
Compartilhar Comente

Inscrições abertas para o 10º Seminário de Pesquisa e Planejamento Territorial

Inscrições abertas para o 10º Seminário de Pesquisa e Planejamento Territorial
Evento ocorrerá na Universidade em setembro deste ano (Foto: Arquivo Unesc) Mais imagens

A 10ª edição do SPPGT (Seminário de Pesquisa e Planejamento e Gestão Territorial) está com as inscrições abertas para o evento deste ano. Ele ocorrerá de 10 a 12 de setembro, na Unesc e é organizado pelo LabPGT (Laboratório de Planejamento e Gestão Territorial) da Universidade. Nesta edição, o evento terá como tema principal a Inovação, Tecnologia e Sustentabilidade.

O Seminário tem como objetivo consolidar a região Sul do país como um polo de estudos e pesquisas interdisciplinares. Na 10º edição, serão abordadas questões de desenvolvimento que envolvam novas propostas e ações sustentáveis, que é uma responsabilidade das ciências, dos profissionais e de todo o setor público e privado.

Os interessados em participar do evento devem acessar o site oficial (https://doity.com.br/ix-sppgt--seminario-de-pesquisa-em-planejamento-e-gestao-territorial-20190226205427) e realizar a inscrição. A programação oficial e os palestrantes serão divulgadas posteriormente. 

Histórico do evento

O início dos trabalhos ocorreu com a criação do Grupo de Pesquisa em Planejamento e Gestão Territorial, em 2009, e com a realização da primeira edição do seminário, em 2010, na Universidade.  

Entre os resultados científicos já conquistados está a participação e envolvimento dos participantes da Unesc com participantes externos e a criação de um grupo crítico interdisciplinar referente a pesquisa que busca a sustentabilidade dos espaços geográficos. Além da discussão de novas abordagens metodológicas que buscam compartilhar experiências sustentáveis em diversos setores econômicos, sociais e ecológicos, e também a ampliação dos estudos na área de planejamento territorial urbano e rural.

O evento tem o apoio da Unesc, do IFSC (Instituto Federal de Santa Catarina) de Criciúma, do PPGCA (Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais), dos cursos de Engenharia de Agrimensura, Geografia, Engenharia de Produção, Arquitetura e Urbanismo, da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) e da Fapesc (Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina).

Vitor Netto - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Vitor Netto Henrique 22 de março de 2019 às 16:05
Compartilhar Comente

Projeto Universidade Saudável retoma as atividades em 2019

Projeto Universidade Saudável retoma as atividades em 2019
Ação voltadas aos colaboradores e estudantes da Universidade propõe atividades físicas (Fotos: Arquivo Unesc) Mais imagens

O projeto Universidade Saudável, iniciado em 2018, deu bons resultados e retornará às atividades em 2019.  O projeto visa proporcionar para professores e funcionários horários para práticas corporais com orientação. Entre as atividades oferecidas gratuitamente estão Treinamento Funcional, Corrida e Ritmos.

O projeto é desenvolvido pelo GEPPS (Grupo de Estudos e Pesquisa em Promoção da Saúde) em parceria com DDH (Departamento de Desenvolvimento Humano) e conta com a orientação de profissionais e estudantes do curso de Educação Física.

Conforme o coordenador do projeto, Joni Márcio de Farias, a ação propõe a melhoria da qualidade de vida dos participantes. “As atividades contribuem para um melhor convívio social, a quebra de rotina, a melhora da autonomia funcional, da autoestima e a autoimagem, diminuição de peso corporal e melhora de componentes da aptidão física. Aos que já praticam, a proposta é contribuir na melhora da performance nos seus treinamentos", explica.

As atividades serão oferecidas em horários específicos. A aula de Ritmos será oferecida nas segundas e quartas-feiras, das 12h às 13h, e nas terças e quintas-feiras, das 17h30 às 18h30. A modalidade de Corrida ocorrerá de segunda a quinta-feira das 17h30 às 19h. Já a aula de Funcional ocorrerá nas terças e quintas-feiras, das 12h às 13h, e nas segundas e quartas-feiras, das 17h30 às 18h30.

Para participar, os colaboradores devem entrar em contato com o DDH no telefone (48) 3431-2695.

Vitor Netto - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Vitor Netto Henrique 22 de março de 2019 às 16:01
Compartilhar Comente