Reitoria

Reitoria da Unesc empossa novos gestores

Reitoria da Unesc empossa novos gestores
Evento reuniu professores, funcionários e acadêmicos nesta sexta-feira (Fotos: Milena Nandi) Mais imagens

A reitora da Unesc, Luciane Bisognin Ceretta e o vice, Daniel Preve, empossaram os novos gestores da Universidade, na tarde desta sexta-feira (28/2), com a presença de professores, alunos e funcionário. Na solenidade, a Reitoria acolheu os novos membros da equipe da gestão universitária, assessores, coordenadores de cursos de graduação e Mestrado e Doutorado e membros da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) e agradeceu aos gestores que deixaram seus lugares.

A reitora da Unesc, Luciane Bisognin Ceretta, ressaltou a importância do trabalho dos que antecederam os gestores que tomaram posse nesta sexta-feira. “Preciso agradecer primeiramente a todos os que deixam as suas funções, pela dedicação e comprometimento. Tenho certeza que cada um deu o melhor de si, superou os limites pessoais e profissionais em busca de resultados quantitativos e qualitativos. Quero desejar aos novos gestores, as boas-vindas a essa desafiadora e encantadora atribuição que nos é conferida. Os resultados obtidos em 2019 foram sim consequência dessa capacidade que todo o time Unesc tem de comprometer-se, de dedicar-se e compartilhar sonhos, projetos missão institucional e dias melhores”, afirmou.

O vice-reitor, Daniel Preve, fez menção aos gestores que estavam deixando os cargos e agradeceu pelo trabalho e dedicação à Unesc e cumprimentou os novos gestores. “O que nos torna diferente de outras instituições é o ser comunitária. A nossa prática é de respeito, inclusão, participação e envolvimento. Isso faz com que todos nós vistamos a camisa com tanto afinco”.

Em sua fala, a pró-reitora Acadêmica, Indianara Reynaud Toreti, agradeceu pelo aceite do desafio aos gestores empossados e ressaltou que cada um é importante para que o grande projeto da Universidade se realize.

O evento foi prestigiado por professores, funcionários e acadêmicos e teve a presença do diretor de Ensino de Graduação Marcelo Feldhaus, da diretora de Extensão, Cultura e Ações Comunitárias, Fernanda Sônego, do coordenador do Sesmt (Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho) e do presidente do DCE (Diretório Central dos Estudantes) da Unesc, Kelvin Benedet.

Novos gestores reforçam compromisso com a Universidade

A pró-reitora de Planejamento e Desenvolvimento Institucional, Gisele Coelho Lopes, afirmou que os empossados receberam um compromisso de desenvolver e exercer com sabedoria a função. “Reitero minha lealdade, comprometimento, dedicação e exforço em prol desta missão que me foi confiada. Agradeço à equipe de gestão pela parceria e pelo aprendizado e desejo que possamos continuar juntos em prol desta missão que me foi confiada. O hoje não significa que estamos no marco zero, mas que estamos em uma nova fase e que os gestores que nos antecederam deixaram um legado fundamentais para sedimentar o caminho que trilharemos a partir de agora”.

Falando em nome dos coordenadores e adjuntos dos cursos de graduação e dos Programas de Pós-Graduação (PPG), o coordenador de Direito, João Carlos de Medeiros Júnior, agradeceu à gestão da Universidade pela atenção e cuidado com os cursos de graduação e reforçou o compromisso dos empossados em trabalhar pela Universidade e pelo seu desenvolvimento acadêmico.

A diretora do campus Unesc Araranguá, Izabel de Souza agradeceu pela oportunidade e salientou a importância da Unesc na vida das pessoas. “É uma gratidão imensa por tudo que tenho vivido na nossa Universidade, com tanto companheirismo e oportunidades de aprendizado”.

De acadêmica a coordenadora do curso


A professora Michele Gonçalves Cardoso, assumiu oficialmente nesta sexta-feira a coordenação do curso de História. Ovacionada pelos alunos, que fizeram cartazes e levaram balões para a posse, ela se diz emocionada com esse momento da vida profissional e pessoal.

 No ano que o curso comemora 25 anos, Michele se torna a primeira mulher à frente da coordenação do curso. E tem mais. Ela – como o coordenador adjunto, Ismael Gonçalves Alves – é egressa do curso de História da Unesc. “Iniciamos nossa trajetória na Unesc, saímos para fazer mestrado e doutorado, retornamos como professores, eu em 2014 e o professor Ismael em 2015 e agora temos vários desafios, mas o privilégio de conhecer a Instituição como alguém que já foi estudante e hoje é professor. Construímos nossas trajetórias aqui”.  

Confira a lista dos gestores empossados

Milena Nandi – Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

28 de fevereiro de 2020 às 20:58
Compartilhar Comente

Livro publicado pela EdiUnesc levará história do projeto Geoparque para dez mil crianças

Livro publicado pela EdiUnesc levará história do projeto Geoparque para dez mil crianças
Material em formato de quadrinhos, intitulado “Turma do Geoparquito em: sonhando com um Geoparque no Sul do Brasil”, foi lançado oficialmente nesta sexta-feira (28/2) (Fotos: Mayara Cardoso) Mais imagens

Em um livro em forma de quadrinhos, ilustrado, colorido, de linguagem acessível e muito atrativo, a Unesc e o Consórcio Intermunicipal Caminhos dos Cânions do Sul levarão a história do projeto Geoparque para dez mil crianças da rede pública de ensino nos sete municípios que compõe o grupo. O material, intitulado “Turma do Geoparquito em: sonhando com um Geoparque no Sul do Brasil”, foi lançado de forma oficial nesta sexta-feira (28/2) no auditório da Prefeitura de Praia Grande na presença de autoridades e professores com a assinatura do termo de cooperação entre a Unesc e o consórcio para ações educacionais em torno no projeto.

A autoria da história, cheia de informação científica contada de forma acessível, é dos professores Nilzo Ivo Ladwig (Laboratório de Planejamento e Gestão Territorial) e Juliano Bitencourt Campos (Laboratório de Arqueologia Pedro Ignácio Schmitz), do Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais (PPGCA), da Unesc, e de Jucélia Tramontin Dalpiás, professora da rede estadual de ensino de Praia Grande. Já a ilustração do material ficou por conta do acadêmico do curso de Artes Visuais da Unesc, Eduardo Pioner Peixoto. O objetivo dos estudiosos ao preparar o material ao longo de três anos foi apresentar para as crianças e, logo, suas famílias, o Projeto “Geoparque Caminho dos Cânions do Sul” e enaltecer a sua importância para a região e para o país, fazendo com que a própria região reconheça e se orgulhe do patrimônio que possui.

A viabilização da publicação que evidencia todos esses recursos por meio da EdiUnesc, conforme o coordenador do eixo de educação do projeto Geoparque, Fabiano Souza, é o primeiro passo de tudo aquilo que é vislumbrado para o futuro. “Vamos fazer de tudo para que a gente consiga cada vez mais levar o projeto adiante através do Geoparquito. É ele que vai nos acompanhar nesta jornada e, esperamos, em outras que estão por vir”, acrescenta. O lançamento do gibi faz parte do movimento de consolidação da região como ponto turístico e para o reconhecimento do local como o segundo geoparque pela Unesco.

Conforme Juliano, um dos autores que também atua como coordenador do Laboratório de Arqueologia Pedro Ignácio Schmitz (LAPIS), a ação feita em parceria traz benefícios para o Consórcio, para a região e para a Universidade, que se aproxima ainda mais da região e divide sua expertise em prol do desenvolvimento local.

Representando a reitora da Unesc, Luciane Bisognin Ceretta, o editor-chefe da EdiUnesc, Dimas de Oliveira Estevam, agradeceu a parceria com o Consócio em prol do projeto Geoparque. “A gestão da Universidade tem o propósito de aproximar a Instituição da comunidade e esse é mais uma ação que tem esse objetivo. Ao colaborar com a região, oferecendo informação e conscientização, a Universidade colabora para o fortalecimento do projeto e sua consolidação perante os moradores dos municípios, atores fundamentais em todo o processo”, completou.

Os municípios que fazem parte do projeto são Jacinto Machado, Morro Grande, Praia Grande, Timbé do Sul, em Santa Catarina, e Cambará do Sul, Mampituba e Torres, no Rio Grande do Sul. Prefeitos, secretários de educação e representantes estiveram na solenidade e receberam simbolicamente edições do gibi que serão encaminhadas para todas as crianças da rede pública dentro dos projetos de ensino de cada uma das séries.

A obra está disponível para download gratuito na página da EdiUnesc. O objetivo é que o conteúdo seja compartilhado ao maior número de pessoas possível, divulgando, assim, as riquezas do projeto Geoparque.

Mayara Cardoso - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

28 de fevereiro de 2020 às 16:30
Compartilhar Comente

Nota de repúdio à violência

Nota de repúdio à violência
Mais imagens

Há 52 anos a Universidade do Extremo Sul Catarinense – Unesc atua para o desenvolvimento socioeconômico, cultural e ambiental da região e, nesse período, sempre respeitou a livre concorrência de mercado e a inserção de novas instituições de ensino superior, que constantemente utilizam o entorno da Unesc para ações de marketing e publicidade.

Lamentamos que em tempos de cultura de paz, atos como o registrado na tarde desta quarta-feira, 26, sobretudo por agentes ligados à educação, incitem a violência por meio da depredação do patrimônio alheio, nesse caso da própria comunidade Sul catarinense.

A Unesc salienta que não praticou nenhum ato de desrespeito ao estacionar um de seus veículos em via pública. Portanto, não se justifica a atitude criminosa e danosa por parte de colaboradores da referida escola superior.

Finalizamos lembrando que a violência se opõe à ética, à moral e à educação e deve ser repudiada por todos, em todas as suas formas.

Atenciosamente,
Reitoria da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

27 de fevereiro de 2020 às 13:32
Compartilhar Comente

Estudantes são recepcionados com novidades na Unesc

Estudantes são recepcionados com novidades na Unesc
Novo Restaurante Universitário e repaginação da sede do DCE foram conhecidos nesta quinta-feira de retorno às aulas (Fotos: Mayara Cardoso/Milena Nandi) Mais imagens

Nesta quarta-feira (26/2), calouros e veteranos iniciaram o primeiro semestre letivo de 2020. Entre os primeiros alunos a chegarem no campus logo pela manhã, esteve Vinícius Santana, 25 anos, de Criciúma. O acadêmico da sétima fase do curso de Educação Física espera um ano letivo com novos conhecimentos para aplicar na prática. “Sempre quis trabalhar na área e faço estágio desde as primeiras fases”, destacou. Ele e os milhares de acadêmicos que iniciaram oficialmente o calendário de estudos e foram recebidos com duas novidades principais no campus: a reinauguração do Restaurante Universitário e uma recepção especial no espaço do Diretório Central dos Estudantes (DCE).

Preparado com carinho pela equipe da Universidade para acolher os alunos nos momentos de intervalos ou períodos fora de sala de aula, o local conta com amplo espaço de portas abertas para acadêmicos de todos os cursos. Em forma de homenagem à reitora Luciane Bisognin Ceretta, apoiadora do Diretório e da reforma do espaço, o grupo eternizou o nome do local intitulando-o como Espaço de Convivência Luciane Bisognin Ceretta. A surpresa foi recebida com alegria pela reitora, que acompanhou de perto a inauguração e celebrou com os estudantes.

Para o Kelvin Benedet, presidente do DCE, esta foi uma justa homenagem à liderança que mais uma vez se mostrou aberta ao diálogo e as necessidades dos estudantes. “Iniciamos nossa gestão com muitos projetos, todos ouvidos com atenção e discutidos com a reitoria. Se não fosse o aceite da nossa reitora para o nosso pedido de melhorias para o espaço do DCE, nós jamais conseguiríamos entregar aos nossos colegas um local tão especial como esse”, salientou.

O trabalho conjunto e o diálogo constante, conforme Luciane, são os fatores determinantes para a parceria entre a Universidade e o Diretório. “Nós temos muito orgulho de saber que estes alunos se dedicam conosco em prol da comunidade acadêmica e unem esforços pelo bem comum, acima de quaisquer outras escolhas. Isso é nobre e nos passa muita segurança em um diálogo maduro que só fortalece a Universidade e seus estudantes”, completou.

O ato oficial de inauguração do Centro de Convivência Luciane Bisognin Ceretta, regado a música e a lanche especial, contou ainda com a presença do vice-reitor Daniel Ribeiro Preve, da pró-reitora Gisele Coelho Lopes, de outras lideranças da Universidade e dos estudantes, colaboradores da Instituição, além do presidente da Câmara de Vereadores de Criciúma, vereador Tita Beloli, e do secretário de Saúde do Município de Criciúma, Acélio Casagrande.

Início das jornadas de muito estudo

De volta ao campus nessa quinta-feira também esteve a aluna da sétima fase de Farmácia, Eduarda Bettiol, de Siderópolis. “Entro em uma fase que amplio o conhecimento nas áreas da Farmácia. Espero poder fazer novos estágios para assim escolher a área de atuação com ainda mais segurança”.

De Siderópolis também veio o calouro do curso de Direito matutino, Vinícius Flor, 17 anos. Ele conta que se interessa pela área há anos, inclusive pelas diversas possibilidades der atuação profissional. Durante o curso quero conhecer todas as possibilidades de trabalho no Direito. E estar na Unesc me dá confiança de que terei um ensino de qualidade. Ela é referência”, afirma Vinícius.

Mayara Cardoso e Milena Nandi - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

26 de fevereiro de 2020 às 23:09
Compartilhar Comente

Novo Restaurante Universitário é inaugurado na Unesc

Novo Restaurante Universitário é inaugurado na Unesc
Reitoria apresentou projeto para comunidade acadêmica nesta quarta-feira. RU servirá também, como local para desenvolvimento de atividades de ensino da universidade (Fotos: Milena Nandi) Mais imagens

A Unesc recebeu os calouros e veteranos nesta quarta-feira (26/2), para o início do primeiro semestre de 2020 com algumas novidades, uma delas: o novo Restaurante Universitário (RU). A inauguração do novo espaço, conduzido pelo restaurante Alecrim, ocorreu ao meio dia, com a presença da gestão universitária, representação estudantil e membros da comissão de implantação do novo restaurante. Mais do que oferecer alimentação saudável, o novo RU também será campo para estágio e local para desenvolvimento de atividades de ensino da universidade.

As refeições de almoço e jantar de segunda a sexta-feira e almoço aos sábados terão um valor fixo de R$ 8,50 e serão fornecidas pela empresa vencedora da Carta Convite, Cisne Refeições Ltda, proprietária do restaurante Alecrim. O local ainda irá oferecer serviço de lanchonete, das 7 às 22 horas. O almoço será servido das 11 às 14 horas e o jantar, das 18 às 21h30.

O processo de avaliação e escolha da nova prestadora de serviços, conforme a reitora da Unesc, Luciane Bisognin Ceretta, foi acompanhado por uma comissão especial formada por estudantes, professores e representantes do departamento jurídico da Instituição. “Sabemos da importância de termos no campus um Restaurante Universitário, que beneficiará não só nossos acadêmicos, mas nossos colaboradores. Por isso adotamos os procedimentos de forma rigorosa para garantir a segurança e o bom serviço prestado à comunidade acadêmica. Queremos que o Restaurante Universitário seja um local em que todos possam frequentar todos os dias”, destaca.

O vice-reitor da Unesc, Daniel Preve, lembrou da preocupação da gestão da Unesc em oportunizar um local que sirva alimentos seguros, com qualidade e preços acessíveis. Segundo o procurador jurídico da Unesc, João Carlos de Medeiros Júnior, a Universidade recebeu seis propostas e a vencedora foi a que preencheu melhor os requisitos em termos de qualidade e preço.

O presidente do DCE (Diretório Central dos Estudantes), Kelvin Benedet comemora o novo momento do RU e salienta a importância para o acadêmico da Unesc em ter onde fazer suas refeições com qualidade e preço mais acessível.

Cardápio elaborado por nutricionistas

Segundo a proprietária do restaurante Alecrim, a empresa já tem experiência em servir refeições industriais voltadas para uma alimentação mais saudável. Tanto que o cardápio do almoço e do jantar do RU não terá alimentos fritos. “Somos uma empresa com 28 anos de atuação, com restaurantes e lanchonetes em Criciúma, Tubarão e Imbituba. Servimos 65 mil refeições por mês e tudo é acompanhado de perto por profissionais de Nutrição”, comenta.

No RU da Unesc, os consumidores terão três opções de saladas, uma fruta, arroz, arroz integral, feijão, um complemento, farofa, dois tipos de carne e um copo de suco natural pelo valor de R$ 8.50. “O cardápio é balanceado e teremos, das 7 às 22 horas, uma nutricionista ou um estudante de Nutrição da Unesc (estágio remunerado) acompanhando tudo”.

A professora do curso de Nutrição da Unesc, Alessandra Ghisi, fez parte da comissão de instalação do novo RU e comenta que a escolha foi criteriosa e o trabalho será acompanhado de perto pelos membros da comissão. “Temos a preocupação não só com a parte sensorial, apresentação e sabor dos alimentos, mas com a segurança alimentar e higiene. O restaurante irá obedecer a uma série de critérios estabelecidos”, comenta.

Lugar de aprendizado

O RU também será um espaço de aprendizagem para alunos dos cursos de Nutrição e Gastronomia. Além de visitas técnicas, a parceria do restaurante com os cursos foi ampliada e o local receberá estudantes e professores de disciplinas específicas, como Educação Nutricional e Gestão de Alimentação Coletiva (ministrada por Alessandra). 

Para o acadêmico da quinta fase do curso de Nutrição, Filipe Fernandes Goulart, que faz parte da comissão do RU, participar do processo de elaboração do novo projeto do RU agrega para a formação e é uma possibilidade de colaborar em algo que beneficiará toda a comunidade acadêmica.

Milena Nandi - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

26 de fevereiro de 2020 às 16:25
Compartilhar Comente