imagem do site

Histórico

O NEAB – núcleo de Estudos Étnico-raciais, Afro-brasileiros, Indígenas e Minorias iniciou suas atividades em 2006 com o objetivo à época de compreender a Educação Inclusiva como manifestação de respeito às diferenças a diversidade social, étnico-racial, cultural, econômica, política, artística, esportiva dos estudantes. Este grupo trabalhou até meados de 2009, desde então, o núcleo estivera adormecido até que a UNESC, Universidade Comunitária, foi motivada por funcionários e docentes a ser vanguarda no atendimento de temáticas em um mundo tão heterogêneo, então, por meio da Pró-Reitoria de Ensino de Graduação, publicou a portaria número 57 de 2014 em 25 de setembro que institui Núcleo de Estudos Étnico-raciais, Afro-brasileiros, Indígenas e Minorias para atender as demandas relativas às questões afro-brasileiras, indígenas e de minorias. Atualmente o núcleo chama-se Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros, Indígenas e de Minorias e dispõe de representantes de todas as Unidades Acadêmicas da universidade, pois, atua em Parceria com a Pró-Reitoria de Pós Graduação, Pesquisa e Extensão e a Pró-Reitoria de Ensino de Graduação, além de envolver-se com outras entidades que atuam sobre as mesmas temáticas.