imagem do site

Pessoa Ostomizada

O Manual Instrutivo de Reabilitação do Ministério da Saúde (2013) define Ostomia como sendo uma intervenção cirúrgica que cria um ostoma (abertura, ostio) na parede abdominal, para adaptação de bolsa de fezes e/ou urina; processo cirúrgico que visa à construção de um caminho alternativo e novo na eliminação de fezes e urina para o exterior do corpo humano (colostomia: ostoma intestinal; urostomia: desvio urinário).

Aspectos Clínicos:

  • Quadro clínico: Diagnóstico médico de quadro clínico estável;

Classificação:

  • Colostomia e ileostomia (estomas intestinais);
  • Urostomia (estomas urinários);
  • Fístulas cutâneas.