Avaliação de Ensino e Aprendizagem

Avaliação do Processo de Ensino-Aprendizagem

De acordo com o Regimento Geral da UNESC, especificamente a partir do Art.86º, a avaliação fundamenta-se em princípios processuais, os quais buscam a formação integral do acadêmico a partir de critérios múltiplos e convergentes. Esses aspectos tem suas bases fundamentadas nas políticas de ensino da graduação da Universidade, as quais ensejam a formação de um acadêmico egresso a partir de um currículo flexível, contextualizado, problematizador e interdisciplinar.

Em relação à avaliação do processo ensino-aprendizagem, o Regimento Geral da UNESC, aprovado pela Resolução n. 01/2007/CSA, artigo 86, estabelece que “A avaliação do processo de ensino aprendizagem, corresponsabilidade de todos os sujeitos envolvidos, estará fundamentada no Projeto Político Pedagógico institucional e será processual, com preponderância dos aspectos qualitativos sobre os quantitativos.”. Por processualidade do desempenho acadêmico, entende-se uma concepção de avaliação que esteja integrada ao processo de ensino-aprendizagem, objetivando o acompanhamento do desempenho do acadêmico e do professor.

Para a recuperação da aprendizagem o professor deve revisar os conteúdos a partir de dúvidas expressas pelos acadêmicos anteriormente à realização da prova, assim como, no momento da entrega, discutir as provas e trabalhos em sala de aula, com revisão dos conteúdos que os acadêmicos encontrarem dificuldade. Havendo necessidade de outras ferramentas de recuperação de conteúdos o professor poderá optar por uma ou mais sugestões, tais como: Realização de seminários, saídas de campo, estudos dirigidos, análise escrita de vídeos, relatórios de aulas práticas e ou de atividades, resolução de casos clínicos, análise de artigo entre outras, destacadas Resolução n. 01/2011/CAMARA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO. Nesse momento a Instituição está promovendo a reflexão e rediscutindo a proposta.

Os cursos apresentam os princípios da avaliação processual da UNESC, que normatiza as avaliações processuais, definindo os critérios de avaliação e recuperação da aprendizagem, por disciplina, são apresentados aos discentes ao início de cada semestre por meio do plano de ensino. Os mecanismos de avaliação adotados pelos docentes no âmbito do Curso de Administração, são fundamentados no Regimento Geral da UNESC, Resolução n.01/2007/CSA, artigo 86, que diz: “A avaliação do processo de ensino-aprendizagem, é corresponsabilidade de todos os sujeitos envolvidos, estará fundamentada no Projeto Político Pedagógico institucional e será processual, com preponderância dos aspectos qualitativos sobre os quantitativos”.


Políticas de Ensino da Graduação
Resolução