Ir Direto ao conteúdo?

Unesc - Universidade do Extremo Sul Catarinense.


Apresentação

O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID é uma iniciativa para o aperfeiçoamento e a valorização da formação de professores para a educação básica.
O programa concede bolsas a alunos de licenciatura participantes de projetos de iniciação à docência desenvolvidos por Instituições de Educação Superior (IES), em parceria com escolas de educação básica da rede pública de ensino.
Os projetos devem promover a inserção dos estudantes no contexto das escolas públicas desde o início da sua formação acadêmica para que desenvolvam atividades didático-pedagógicas, sob orientação de um docente da licenciatura e de um professor da escola.

O objetivo é promover com qualidade um ambiente de formação inicial e continuada da atividade docente na educação básica. Desse modo, elegeu-se o conceito de “intertextualidade”, ressignificando-o, sobretudo, numa perspectiva dialógica, com vistas a ampliar as redes de interação entre o Ensino Superior e a Educação Básica. O conceito também sugere a possibilidade de integração entre as diferentes áreas participantes nas atividades a serem realizadas nos campos de atuação.
Quer-se possibilitar que os cursos de licenciatura de Artes Visuais, Letras, Ciências Biológicas, Matemática e Pedagogia, que participaram em 2012, e os cursos de Educação Física, História e Geografia, ingressantes nesta edição, possam oportunizar melhor comunicação e compreensão da dimensão teórica e dos limites e possibilidades de reelaboração contínua da prática docente no cotidiano das escolas, proporcionando momentos de reflexão e de valorização do magistério. Pretende-se, ainda, ampliar o diálogo com mais escolas da região, oportunizando aos docentes condições de realizar avaliações periódicas de suas práticas pedagógicas, bem como proporcionar debates e adequações dos projetos pedagógicos e das matrizes curriculares dos sistemas de ensino local, para que possam promover formação inicial e continuada de professores com qualidade social.

Esta proposta pretende reforçar as vias de integração já existentes entre a UNESC e algumas escolas municipais e estaduais de Educação Básica da região, com o propósito de fortalecer a formação inicial dos licenciandos, contribuindo sobremaneira para reflexões das experiências pedagógicas dos professores das escolas. Como exemplificação, ressalta-se que a UNESC já atua em algumas escolas por meio dos estágios obrigatórios, do Programa de Formação Continuada, do Programa Arte na Escola, do Centro de Educação Ambiental, dos 17 projetos de extensão, além do Observatório da Educação e do PARFOR, estes aprovados pela CAPES.

Objetivos específicos do Programa
-Incentivar a formação de docentes em nível superior para a educação básica;
-Contribuir para a valorização do magistério;
-Elevar a qualidade da formação inicial de professores nos cursos de licenciatura, promovendo a integração entre educação superior e educação básica;
-Inserir os licenciandos no cotidiano de escolas da rede pública de educação, proporcionando-lhes oportunidades de criação e participação em experiências metodológicas, tecnológicas e práticas docentes de caráter inovador e interdisciplinar que busquem a superação de problemas identificados no processo de ensino-aprendizagem;
-A articulação entre teoria Incentivar escolas públicas de educação básica, mobilizando seus professores como coformadores dos futuros docentes e tornando-as protagonistas nos processos de formação inicial para o magistério;
-Contribuir para e prática necessárias à formação dos docentes, elevando a qualidade das ações acadêmicas nos cursos de licenciatura.

Bolsas
A Capes concede bolsas de:
 -Iniciação à docência – para acadêmicos dos cursos de licenciatura que participam dos subprojetos do PIBID.
 -Supervisão - para professores de escolas públicas de educação básica que supervisionam, no mínimo, cinco e, no máximo, dez bolsistas da licenciatura.
 -Coordenação de área – para professores dos cursos de licenciatura da UNESC que coordenam até 20 acadêmicos participantes dos subprojetos do PIBID.

Universidade do Extremo Sul Catarinense.