Editora

Lançamento online do livro Política fiscal e desoneração tributária no Brasil

Lançamento online do livro Política fiscal e desoneração tributária no Brasil
Mais imagens

Em parceria com a Editora Insular, a EdiUnesc terá o primeiro lançamento de livro de forma online. O evento ocorrerá no dia 07 de agosto (sexta-feira), a partir das 19h, de forma virtual, pelo google meet

O livro, de autoria de Juliano Giassi Goularti, é um estudo indispensável para quem quer entender e combater os privilégios no gasto público e seu financiamento. A obra demonstra que a distribuição regional das desonerações nega as condições de País subdesenvolvido e evidencia que no plano microeconômico e macroeconômico as desonerações bilionárias não chegaram ao conjunto da população brasileira.

De acordo com o professor do Instituto de Economia da Unicamp, Pedro Paulo Zahluth Bastos, o livro "disseca outro aspecto da injustiça tributária: o abuso nas isenções. Elas desviam recursos em especial da seguridade social, sem trazer os investimentos privados que as justificam. O Brasil é um paraíso fiscal para proprietários do capital e para a elite de profissionais de alta renda. Embutimos muitos impostos em bens e serviços e cobramos sem distinguir o consumidor miserável do endinheirado. Como o pobre consome o que ganha, paga proporcionalmente mais impostos que o rico".

Juliano Goularti constrói uma interpretação crítica das desonerações demonstrando que o Brasil é um dos países mais desiguais do mundo, onde quem ganha mais paga menos e quem ganha menos paga mais impostos, aprofundando assim as desigualdades sociais. Ao analisar a política fiscal de desoneração tributária no Brasil, o autor deixa claro que este instrumento de política econômica tem sido utilizado para a transferência de renda do setor público para o privado, sem contrapartida social, como geração de emprego, renda e desenvolvimento socioeconômico.

A obra, que estará a venda ao valor de R$ 49,00, é uma leitura obrigatória para aqueles que lutam por justiça fiscal e equidade social.
 

27 de julho de 2020 às 10:22
Compartilhar Comente

Deixe um comentário

Ouça o que está escrito