AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

imagem do site
Newsletter Newsletter RSS RSS

Assembleia Legislativa homenageia Universidade pelos seus 50 anos

Assembleia Legislativa homenageia Universidade pelos seus 50 anos
Sessão especial ocorre segunda-feira na Universidade (Foto: Arquivo) Mais imagens

Para homenagear os 50 anos de história da Unesc, a Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina vai realizar uma sessão especial segunda-feira (16/4), no Auditório Ruy Hülse, no campus da Universidade às 19h30. O evento, aberto ao público, vai contar com a presença de alunos, professores e funcionários da Instituição, além de pessoas que fizeram parte dos 50 anos da Universidade Comunitária da região, e lideranças do cenário político e econômico.

A sessão especial foi uma proposição do deputado estadual Rodrigo Minotto, com o apoio dos deputados Cleiton Salvaro e Valmir Comin. Durante o evento serão homenageadas pessoas e entidades que contribuíram para o desenvolvimento da Universidade ao longo desses 50 anos.

A reitora da Unesc, Luciane Ceretta, considera a homenagem como um reconhecimento a toda contribuição que a Universidade vem trazendo para a região Sul de Santa Catarina e para o próprio Estado. “A Unesc é uma Instituição consolidada, com um ensino de qualidade, uma pesquisa internacionalizada, projetos de extensão que transformam vidas e cenários, de modo que não é possível pensar a região, o desenvolvimento e o futuro dela sem essa Universidade que tanto promove o diálogo e as discussões e a formação técnica nas diferentes áreas do conhecimento”, afirma.

Ela lembra que além de toda a comunidade acadêmica, formada por 13.000 estudantes e em torno de 1.500 colaboradores, cerca de 1.000 pessoas da comunidade circulam diariamente pelo campus, seja utilizando o seu espaço para práticas de atividades físicas e de lazer ou para atendimentos gratuitos em saúde, área judicial e diversos projetos.

“Esse processo todo movimenta a sociedade e a região e esse movimento é reconhecido por todos. A Assembleia Legistativa cumpre um papel fundamental ao dar à Unesc a visibilidade e reconhecimento que ela merece em um momento desses. Estamos honrados e muito agradecidos aos três deputados que propuseram essa sessão especial por conta da importância que a nossa Universidade tem e que esses deputados têm na construção de melhores soluções para a vida das pessoas que moram no Sul do Estado”, ressalta a reitora. 

Importância para o desenvolvimento regional

Segundo Minotto, a Universidade existe para produzir conhecimento, gerar pensamento crítico, articular saberes, formar cidadãos críticos, profissionais e lideranças intelectuais. “A Unesc (Fucri) tem feito isso ao longo destes 50 anos, num brilhante papel de transformação social. Uma homenagem merecida que a Assembleia Legislativa presta, a altura desta Universidade”, destaca o deputado.

Para Comin, a Unesc tem papel importante no desenvolvimento do Sul do Estado. “A Fucri/Unesc se consolidou como uma exportadora de conhecimento nas mais diversas áreas. Tem um ensino de excelência que transforma a vida das pessoas há meio século. Esta universidade é muito comprometida e nos trouxe profissionais que contribuem diretamente com o desenvolvimento econômico da nossa região”, salienta.

O deputado Salvaro enfatiza que a Unesc é uma instituição de suma importância para todo o Estado. "Com seu trabalho, nos tornamos referência em ensino de excelência além de sermos celeiro de mão de mão de obra qualificada nos mais diversos setores". 

Nasce a Universidade Comunitária da região

A Fucri (Fundação Educacional de Criciúma), fundada em 22 de junho de 1968, pela Lei Municipal número 697, durante o governo de Ruy Hülse, foi a primeira escola de nível superior criada no Sul de Santa Catarina. A entidade emergiu de um movimento comunitário regional que culminou com a realização de um seminário de estudos em prol da implantação do Ensino Superior no Sul Catarinense. O evento contou com a participação de educadores, intelectuais, políticos, magistrados, lideranças comunitárias da sociedade civil organizada e imprensa.

Em 3 de junho de 1997, o CEE (Conselho Estadual da Educação) aprova por unanimidade o parecer do Conselheiro Relator e, em sessão plenária, em 17 de junho de 1997, também por unanimidade, aprova definitivamente a transformação em Unesc (Universidade do Extremo Sul Catarinense), tendo a Fucri como sua mantenedora.

Em 11 de agosto do mesmo ano, a Universidade recebeu sua homologação, que equivale à “Certidão de Nascimento”, assinada pelo secretário de Educação, João Mattos, com a presença do vice-governador José Augusto Hülse. Em 18 de novembro ocorreu a instalação oficial da Unesc, no Teatro Elias Angeloni, com a participação de autoridades, empresários, professores, alunos e funcionários da Instituição.

Unesc 50 anos  

A Instituição possui 13.000 alunos entre graduação, especialização, Colégio Unesc, mestrados e doutorados;
Possui em torno de 1.500 professores e funcionários;
Oferece 54 cursos de graduação nas mais diversas áreas do conhecimento; 45 especializações e MBA; sete mestrados e dois doutorados;
Quase metade dos alunos de graduação são beneficiados com bolsas ou financiamentos;
Mais de 97% dos cursos de graduação avaliados com conceitos 4 ou 5 – sendo o conceito máximo 5 – pelo MEC (Ministério da Educação);
Melhor universidade não estatal de Santa Catarina segundo o RUF (Ranking Universitário Folha) 2017;
18ª melhor instituição não estatal do Brasil;
A Unesc está entre as 19 Instituições de Ensino Superior do Brasil a receber o selo de acreditação do CFM (Conselho Federal de Medicina) e da ABEM (Associação Brasileira de Educação Médica);
Na extensão, a Unesc realiza mais de 200 projetos de extensão comunitária, com bolsas de estudo para estudantes de graduação;
A Unesc figura no seleto grupo formado por 22% das 4.175 Instituições de Ensino Superior brasileiras que obtiveram aumento no conceito de qualidade de seus PPGs (Programas de Pós-Graduação) na avaliação da Capes;
Possui ainda o Iparque (Parque Científico e Tecnológico) que realiza parcerias e presta serviços para municípios da região e empresas de diversos estados brasileiros.

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

13 de abril de 2018 às 10:19
Compartilhar Comente

Deixe um comentário

Ouça o que está escrito