Engenharia de Agrimensura e Cartográfica

14º CONEA - Congresso Nacional de Engenharia de Agrimensura

Nos dias 24 a 27 de novembro de 2020 foi realizado o 14º CONEA – Congresso Nacional de Engenharia de Agrimensura, coordenado pela Federação Nacional de Engenheiros Agrimensores FENEA, juntamente com a Associação Catarinense de Engenheiros Agrimensores – ACEAG e o Curso de Engenharia de Agrimensura e Cartográfica da UNESC. Pela terceira vez o Evento teve como sede o Estado de Santa Catarina e, pela primeira vez foi realizado de forma virtual, usando a plataforma do Google Meet e do Youtube. Com o tema central “A Agrimensura Legal no Cadastro Territorial “, o CONEA teve como objetivo, reunir profissionais, professores, acadêmicos e pesquisadores da área, mas também de trazer para discussão temas atuais, de interesse da modalidade, e que são importantes para a sociedade e para o desenvolvimento sustentável do Brasil.

Foram 362 inscritos, com submissão de 36 artigos técnicos e científicos, dos quais 34 foram aprovados. A 14ª edição do evento iniciou com a conferência de abertura intitulada “O Cadastro Territorial é Essencial para a Governança de Terras”, com o professor Bastiaan Philip Reydon. Nos dias 25, 26 e 27, no período vespertino foram apresentados os artigos, em um formato inovador, que permitiu a interação e discussão dos autores com os congressistas. A noite ocorreram mesas temáticas em áreas de interesse da modalidade e permitindo a participação dos presentes com os temas que seguem:

No dia 25 o Cadastro Territorial e Rede de Referência Cadastral Municipal

No dia 26 Formação Profissional e o Sistema CONFEA/CREA

No dia 27 O Engenheiro Agrimensor na Administração Municipal.

Na avaliação da coordenação, o evento cumpriu seu objetivo de reunir mesmo de forma virtual os profissionais da área e discutir temas de grande interesse para modalidade, permitindo a interação entre palestrantes e congressistas e fomentando a interlocução de conhecimentos. O evento, realizado na forma virtual possibilitou a participação de interessados de todo o país, na modalidade de ouvinte, ou como autores de artigos e a presença de renomados conferencistas e exímios conhecedores dos temas em debate. As inquietações que ficaram, com certeza se transformarão em desafios que contribuirão para enriquecer as pesquisas e os debates em busca de soluções inovadoras.

Link com as palestras do Evento:

https://drive.google.com/drive/folders/1kTODXBeOoNJFHsV1sVCa8vavi9O44Un3?usp=sharing

11 de dezembro de 2020 às 14:24
Compartilhar Comente

Biomédicos, Engenheiros Agrimensores e Cartográficos, Farmacêuticos e Médicos: Novos profissionais entregues ao mercado

Biomédicos, Engenheiros Agrimensores e Cartográficos, Farmacêuticos e Médicos: Novos profissionais entregues ao mercado
Unesc formou profissionais em Cerimônia Especial virtual nesta segunda-feira (30/11) (Fotos: Reprodução) Mais imagens

Estudantes dos cursos de Biomedicina, Engenharia de Agrimensura e Cartográfica, Farmácia e Medicina deixaram oficialmente para trás, nesta segunda-feira (30/11), o título de acadêmicos para tornarem-se profissionais. Eles tiveram o grau outorgado em Cerimônia Especial de Colação de Grau de forma virtual.

O encontro, transmitido via Google Meet, contou com a presença dos formandos da tarde, professores e coordenadores dos cursos, além do paraninfo do grupo e de amigos e familiares.

Escolhida para falar em nome da turma, a agora farmacêutica Amanda De Mattia emocionou os colegas e todos os participantes. No discurso proferido na cerimônia Amanda destacou os desafios e expectativas de cada um ao encarar o universo da graduação há anos atrás. “Cada um iniciou essa trajetória por um motivo diferente. De lá para cá muitos foram os desafios e as vitórias, mas uma coisa sempre esteve presente: o aprendizado”, destacou.

As lições levadas na bagagem daqui para frente, conforme Amanda, vão muito além do conhecimento técnico. “Muito mais do que sermos bons profissionais, aprendemos a sermos humanos, a termos um olhar empático e cuidadoso diante daqueles que precisarem de nós, serem humanos com suas vidas e histórias e que muitas vezes o amor é, sim, o melhor remédio”, acrescentou.

Para o paraninfo das turmas, Eduardo João Agnes, o momento de celebração causa emoção e orgulho. “Hoje me sinto muito feliz, honrado e orgulhoso pela certeza de ter participado da formação de excelentes profissionais que oficialmente entram agora no mercado de trabalho. São profissionais competentes que irão fazer a diferença onde estiverem”, declarou.

A responsável pela outorga de grau, a diretora de Extensão, Cultura e Ações Comunitárias da Unesc, Fernanda Sônego, foi ainda a responsável por deixar a mensagem da Instituição aos participantes da celebração. Conforme ela, a cerimônia realizada de forma virtual por conta da pandemia de Covid 19 não a torna menos repleta de importância, emoções e significado.

“Para nós é uma honra tê-los aqui neste espaço virtual. É uma imensa alegria formar novos profissionais com a certeza de que estão preparados para as suas missões. Quando vocês tiverem medo, o que irá aparecer durante a jornada, lembrem-se que o medo incapacita, mas também é o caminho para o enfrentamento de novos desafios e superações. Estaremos sempre aqui, na nossa Universidade, prontos para acolhê-los nesta, que sempre será a casa de vocês”, acrescentou.

Mayara Cardoso - Agência de Comunicação da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

30 de novembro de 2020 às 20:03
Compartilhar Comente

Conhecimento construído e compartilhado para todo o Brasil no Seminário de Pesquisa em Planejamento e Gestão Territorial da Unesc

Conhecimento construído e compartilhado para todo o Brasil no Seminário de Pesquisa em Planejamento e Gestão Territorial da Unesc
Evento teve sua primeira realização na modalidade virtual (Fotos: Reprodução GoogleMeet) Mais imagens

A 11ª edição do Seminário de Pesquisa em Planejamento e Gestão Territorial (SPPGT) da Unesc chegou ao fim com resultados positivos. Pela primeira vez na modalidade virtual, foram 11 atividades, com uma média de 110 espectadores de todo o Brasil e a presença de importantes nomes da área ambiental, como os professores doutores Luiz Oosterbeek, do Instituto Politécnico de Tomar de Portugal, e Nurit Rachel Bensusan, do Instituto Socioambiental do Brasil, que ministraram a palestra de abertura.

O evento iniciou na última terça-feira (17/11) e teve seu encerramento nesta quinta-feira (19/11), com duas palestras palestras: “Gestão de Áreas Protegidas por Sensoriamento Remoto”, ministrada pelo professor doutor Gustavo Macedo de Mello Baptista do Instituto de Geociências da Universidade de Brasília (UNB), e "Modelagem cartográfica na promoção da geoconservação e do geoturismo", concedida pelo professor doutor Ítalo Sousa de Sena da Universidade Federal de São João Del-Rei (UFSJ).

Conforme o professor pesquisador da Universidade e líder da comissão organizadora, Nilzo Ivo Ladwig, o modelo virtual possibilitou a presença de prestigiadas autoridades e uma importante interlocução de conhecimento. “Tivemos receio que este formato online trouxesse problemas, mas apresentou novas reflexões. Tivemos a participação de profissionais, estudantes, professores e pesquisadores de todo o Brasil, com uma vasta troca de informações entre grupos de pesquisas”, explicou.

A presença do evento na internet foi além de um mecanismo para a execução dos momentos, e deu ao Seminário uma relevância nacional. “Isso refletiu em impactos significativos para a construção do conhecimento. Além de palestrantes e participantes de outras regiões, pode-se compartilhar parte da cultura em pesquisa, técnicas e métodos que vão enriquecer o campo acadêmico-científico de cada presente”, evidenciou Ladwig.

Também em destaque, o debate “Turismo em áreas protegidas: desafios e possibilidades” foi um dos exemplos da interlocução de conhecimento, recebendo autoridades no campo ambiental de São Paulo, Santa Catarina e Minas Gerais. O encontro foi realizado na quarta-feira (18/11) e teve a presença dos especialistas Cláudio Maretti, pesquisador e pós-doutorando da Universidade de São Paulo (USP); Paulo Fernando Meliani, professor doutor da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc); Orlando Ferretti, professor doutor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC); Múcio do Amaral Figueiredo, professor doutor da Universidade Federal de São João Del-Rei (UFSJ), e Geraldo Majela Moraes Salvio, professor doutor do Instituto Federal do Sudeste de Minas Gerais.

Além das palestras principais e mesas redondas, ao longo dos três dias foram realizadas apresentações de artigos, oficinas, lançamento de livros e sessões de comunicação. Todos os momentos foram norteados por temas conectados à conservação e a reconstrução das áreas protegidas no Brasil e no mundo, como parques, florestas, mosaicos florestais e muitos outros.

Entre os livros lançados esteve a obra Planejamento e Gestão Territorial: inovação, tecnologia e sustentabilidade. Vinculado à Editora Unesc (EdiUnesc), o trabalho organizado por Nilzo Ivo Ladwig e pelo professor pesquisador Juliano Bitencourt Campos traz os relatos, informações e conclusões de relevância social, profissional e de pesquisa apresentadas na edição 2019 do Seminário de Pesquisa em Planejamento e Gestão Territorial.

O evento foi proposto pelo Laboratório de Pesquisa em Planejamento e Gestão Territorial (LabPGT) da Unesc e Programa de Pós-graduação em Ciências Ambientais (PPGCA), em parcerias com os programas de Pós-Graduação em Educação (PPGE) e Desenvolvimento Socioeconômico (PPGDS), Laboratório de Arqueologia Pedro Ignácio Schmitz (Lapis) e cursos de Geografia, Engenharia de Agrimensura e Biologia.

O Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) - campus Criciúma, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) e os comitês de Bacias do Rio Araranguá e Rio Urussanga também contribuíram para a realização.  

A próxima edição do Seminário de Pesquisa em Planejamento e Gestão Territorial já está em planejamento para setembro de 2021. A transmissão do evento foi realizada pela Unesc TV no YouTube e via Google Meet.

Leonardo Ferreira - Agência de Comunicação da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

19 de novembro de 2020 às 20:00
Compartilhar Comente

Seminário na Unesc vai colocar em evidência as áreas protegidas no Brasil e no mundo

Seminário na Unesc vai colocar em evidência as áreas protegidas no Brasil e no mundo
Serão 11 seções, entre oficinas, comunicações, palestras, mesas redondas e lançamento de livros (Foto: ArquivoUnesc) Mais imagens

A conservação e a reconstrução das áreas protegidas têm ganhado evidência no Brasil e no mundo. Parques, florestas, mosaicos florestais e muitos outros espaços estão sendo tema central de debates, e na 11ª edição do Seminário de Pesquisa em Planejamento e Gestão Territorial (SPPGT) não será diferente. O evento, aberto ao público, ocorre de 17 a 19 de novembro, 100% virtual.

Conforme o professor pesquisador da Universidade e líder da comissão organizadora, Nilzo Ivo Ladwig, a temática se justifica nos diversos setores da sociedade, para fomentar e debater metodologias e inovações tecnológica que possam dar sustentabilidade à vida na terra. A proposta está alinhada aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), da Organização das Nações Unidas (ONU).

Ladwig também explica que o estabelecimento de espaços especialmente protegidos é uma das ferramentas mais utilizadas para a conservação da natureza, um movimento que busca identificar e separar algumas porções do território para o uso da terra e dos recursos naturais. “Assim convidamos para debater e exercitar novas acepções de políticas públicas que possam conduzir ao desenvolvimento territorial das áreas protegidas, não somente das Unidades de Conservação da Natureza (UCs), mas reconhecer a importância da proteção das terras indígenas, quilombolas e populações tradicionais”, pontua.

Nos três dias de evento, serão 11 atividades, entre oficinas, apresentações, palestras, mesas redondas e lançamento de livro, momentos conduzidos por pesquisadores especialistas em cada assunto. “O impacto esperado é que instrumentos sejam apresentados e debatidos, para que gerando ações preventivas e normativas que permitam controlar os impactos territoriais negativos dos investimentos público-privados sobre os recursos naturais. Com isso, almeja-se evitar a subutilização e a degradação dos espaços, para imprimir uma maior eficiência das dinâmicas socioambientais de preservação e conservação do patrimônio natural e histórico cultural”, pontua o professor pesquisador.

As inscrições podem ser feitas na página do evento (clique aqui). O evento é proposto pelo Laboratório de Pesquisa em Planejamento e Gestão Territorial (LabPGT) da Unesc, em parceria com os programas de Pós-graduação em Ciências Ambientais (PPGCA), Educação (PPGE) e Desenvolvimento Socioeconômico (PPGDS), Laboratório de Arqueologia Pedro Ignácio Schmitz (Lapis) e cursos de Geografia e Engenharia de Agrimensura.

O Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) - campus Criciúma, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) e os comitês de Bacias do Rio Araranguá e Rio Urussanga também estão contribuindo para a realização.  

Leonardo Ferreira - Agência de Comunicação da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

09 de novembro de 2020 às 16:33
Compartilhar Comente

Designers e engenheiros formados na Unesc preparados para fazer a diferença

Designers e engenheiros formados na Unesc preparados para fazer a diferença
Universidade colou grau de novos 65 profissionais qualificados ao mercado (Fotos: Reprodução) Mais imagens

A noite desta quarta-feira (9/9) encerrou um ciclo de muito aprendizado para 65 acadêmicos que tornaram-se profissionais das áreas do Design e da Engenharia. Por meio de cerimônia de Colação de Grau Especial virtual, os agora egressos dos cursos de Design, Engenharia Ambiental e Sanitária, Engenharia Civil, Engenharia de Agrimensura e Cartográfica, Engenharia De Materiais, Engenharia De Produção e Engenharia Mecânica celebraram suas conquistas, tiveram o grau outorgado para que possam exercer suas profissões e foram inspirados a partir das palavras de colegas e professores.

Sob comando das graduandas oradoras, Leticia Pacheco Rodrigues da Rocha e Maria Victória Prestes Luchese, os colegas, os professores e as centenas de pessoas que acompanharam de forma virtual por meio de transmissão da Unesc TV no YouTube, foram convidados a refletir sobre os desejos para os novos formados.

Em suas palavras, as oradoras deixaram seus agradecimentos e seus sinceros votos para o futuro que se inicia hoje. “Desejo presença, para que consigamos viver e agradecer a cada dia; esperança, para não cansarmos de acreditar; propósitos, para termos motivos para lutar; verdade, para viver com integridade e respeito; humildade, para que não esqueçamos que somos eternos aprendizes; amor, para termos forças e para nos transformarmos sempre em pessoas melhores”, destacou Maria Victória.

A mensagem das oradoras convidou os formandos a não esmorecerem diante das dificuldades e a lembrarem deste dia como um momento cheio de significados especiais. “Arriscamos em lhes deixar um pedido: sonhem muito, independentemente do caos, acreditem naquilo que desejam com coração. Façam o melhor que está aos seus alcances para transformar o mundo em um lugar com mais justiça, equidade, empatia e respeito. Somos agentes transformadores naquilo que escolhemos ser. Acreditem em vocês e brilhem muito”, completaram.

A cerimônia de Colação de Grau especial foi conduzida nesta noite pelo vice-reitor Daniel Ribeiro Preve e contou com a presença de coordenadores, paraninfos e professores homenageados.

Escolhido como paraninfo de todas as turmas esteve entre os presentes na sala de honra virtual o professor Leandro Neckel; o patrono e coordenador do curso de Design, João Luiz Silva Rieth; o patrono do curso de Engenharia Ambiental e Sanitária, Gustavo José Deibler Zambrano; o patrono do curso de Engenharia Civil, Luiz Renato Steiner; o patrono do curso de Engenharia de Materiais, Ramon Ângelo Mezzari; o patrono do curso de Engenharia de Produção, Wagner Blauth e o patrono do curso de Engenharia Mecânica, Mauro Eduardo Benedet.

Representando as equipes dos cursos participaram ainda os coordenadores Marta Hoffmann, Elaine Guglielmi Pavei Antunes, Hugo Schwalm, Angela Beatriz Coelho Arnt, Leopoldo Pedro Guimarães Filho e Adriano Michael Bernardin.

Já como professores homenageados foram apresentados Barbara Regina Alvarez, Haron Cardoso Fabre e Maico Carlos Vieira, do curso de Design; Maria Cristina Moreira Lalau, dos formandos de Engenharia Ambiental e Sanitária; Gissele Tavares e Pedro Arns, do curso de Engenharia Civil; João Luis Silva Rieth e Sabrina Arcaro, de Engenharia de Materiais; Adilson Oliveira da Silva, Dino Gorini Neto e Sérgio Bruchchen, do curso de Engenharia de Produção; e Estevan Grosch Tavares, Fábio José de Souza e Fernando Arns Rampinelli, de Engenharia Mecânica.

A cerimônia completa pode ser assistida no canal da Unesc TV no YouTube.

Mayara Cardoso - Agência de Comunicação da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

09 de setembro de 2020 às 20:18
Compartilhar Comente