Engenharia de Agrimensura

imagem do site
Newsletter Newsletter RSS RSS

Trabalho de Conclusão de Curso (Engenharia de Agrimensura) 2017/2

Postado por: Mara Mariano 07 de dezembro de 2017 às 20:33
Compartilhar Comente

Visita Técnica Serra do Rocinha, no município de Timbé do Sul em: 04/11/2017

Acadêmicos do Curso de Engenharia de Agrimensura visitaram as instalações (do consórcio Ivaí, Sotepa e Setep) e parte da rodovia em construção BR-285, Serra do Rocinha, no município de Timbé do Sul. A visita técnica teve como objetivo, conhecer os métodos e equipamentos empregados na atualidade em projetos e execução de rodovias. Esta obra têm características interessantes, por tratar-se de uma região montanhosa, com fauna e flora riquíssimas.

Postado por: Mara Mariano 06 de novembro de 2017 às 19:30
Compartilhar Comente

Saída de campo (4ª fase do - Disciplina de topografia III) em: 28/10/17

Saída de campo 4ªfase do Curso de Engenharia de Agrimensura, na disciplina de topografia III (Profº Leandro Soares). 

Postado por: Mara Mariano 30 de outubro de 2017 às 18:10
Compartilhar Comente

Publicação Prefeitura Municipal de Cocal do Sul em: 20 de outubro/2017

Cocal do Sul implanta Rede Geodésica

Cocal do Sul é o primeiro município de porte pequeno da região da Amrec a implantar a Rede Geodésica. A rede serve para ordenar o crescimento do município. É uma prestação de serviço que disponibiliza informação por meio de 40 marcos geodésicos implantados em locais estratégicos. O instrumento serve para orientação de todo e qualquer levantamento e referência topográfica da cidade.

Toda parte de cálculo esta sendo feita pelo acadêmico de engenharia de agrimensura, Wesley Dionil Brune que realiza o trabalho de conclusão de curso em parceria com a prefeitura municipal. “O marco geodésico é um ponto materializado no terreno no qual consta a exata referência (X,Y) e altitude do local. Ele é um importante instrumento de atualização cartográfica para localização de qualquer obra ou empreendimento, uma rede de referência cadastral para projetos de engenharia, conforme determina a NBR 14166”, explica.

Segundo o prefeito Ademir Magagnin com esse serviço de informações precisas, profissionais da área podem usar com facilidade os dados na implantação de loteamentos e outras obras públicas, além de ser usado também pela população em geral. “Isso não tem custo para o cidadão. O que acontece é que a partir desses marcos os engenheiros poderão fazer seus projetos. Esses marcos estarão amarrados com o sistema geodésico brasileiro que garante precisão e confiança. Hoje, se um profissional de fora precisar fazer um projeto no município, ele terá que transportar um marco de outro local para depois fazer o trabalho. Com esta implantação, ele não terá dificuldade alguma”, ressalta Magagnin.

Conforme o acadêmico é difícil encontrar municípios de pequeno porte que possuem a sua rede geodésica. “Geralmente, eles não tem esse interesse. Na região apenas Criciúma e Içara possuem. O serviço é um benefício para todos. Além de engenheiros, caso o proprietário de um terreno desejar fazer o levantamento do imóvel e a regularização, ele vai poder fazê-lo a partir de um desses pontos que facilitará o trabalho”, observa Wesley.

De acordo com o engenheiro da prefeitura, Omero de Bona Filho a rede de referência esta em fase de conclusão. “Os marcos estão todos implantados, bem como o rastreamento com GPS. O que falta ser finalizado é o cálculo para aferir essas coordenadas e localização de cada marco. Para o Governo Municipal este trabalho é importante para ordenação e atualização do cadastro do município. Qualquer obra que esteja sendo projetada, como loteamentos e indústrias, deverá ser amarrada à rede. A previsão é para dentro de um mês, ela esteja em funcionamento”, finaliza.

Em breve, assim que a monografia for aprovada, todas as informações estarão disponíveis no site www.cocadosul.sc.gov.br.

Postado por: Mara Mariano 25 de outubro de 2017 às 21:26
Compartilhar Comente

VIII Semana de Ciência e Tecnologia (Apresentação de trabalho)

VIII Semana de Ciência e Tecnologia (Apresentação de trabalho)
Mais imagens

Apresentação da acadêmica do Curso de Engenharia de Agrimensura Letícia Dutra em: 18/10/17, na Semana de Ciência e Tecnologia, com o tema Mapeamento de Uso e Cobertura da Terra da Bacia do Rio Urussanga Utilizando Imagens Orbitais de Diferentes sistemas Sensores.

Postado por: Mara Mariano 23 de outubro de 2017 às 21:30
Compartilhar Comente