Matemática

Educadores se reúnem na Unesc para discutir currículo escolar da rede municipal de Criciúma

Educadores se reúnem na Unesc para discutir currículo escolar da rede municipal de Criciúma
Formação ocorreu na manhã desta segunda-feira na Universidade (Foto: Jhulian Pereira/Prefeitura de Criciúma) Mais imagens

Para estudar, reformular e adaptar o currículo escolar da rede municipal de ensino de Criciúma, professoras da Unesc receberam, na manhã desta segunda-feira (6/5), educadores que atuam em escolas municipais para o início de mais uma série de formações continuadas. O evento ocorreu em parceria com a Administração Municipal, por meio da Secretaria de Educação, e reuniu profissionais de Matemática, Educação Física e Pedagogia.

De acordo com a secretária municipal de Educação, Roseli de Lucca, professores de outras disciplinas também participarão da iniciativa. “Cada disciplina terá cinco encontros. É uma oportunidade para desenvolver estratégias de formação sobre os direitos de aprendizagem e as habilidades e competências para reformular o currículo escolar da rede municipal”, conta.

O encontro desta segunda-feira foi conduzido pelas professoras da Unesc, Eloir Fátima Mondardo Cardoso e Ledina Lentz Pereira. As educadoras apresentaram propostas em conformidade com a BNCC (Base Nacional Comum Curricular), do MEC (Ministério da Educação). “Os profissionais que participam das formações continuadas se inscreveram em um edital publicado pela Prefeitura de Criciúma”, explica Eloir.

BNCC

No Brasil, a BNCC deve nortear os currículos dos sistemas e redes de ensino das Unidades Federativas e as propostas pedagógicas de escolas públicas e privadas da Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. O documento de caráter normativo estabelece conhecimentos, competências e habilidades para os estudantes desenvolverem ao longo da escolaridade básica. Mais informações podem ser obtidas por meio do site.

Colaboração: Jhulian Pereira - Decom - Diretoria de Comunicação da Prefeitura de Criciúma

Vitor Netto - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Vitor Netto Henrique 06 de maio de 2019 às 14:00
Compartilhar Comente

Cursos de licenciatura da Unesc promovem campanha em prol da Casa Guido

Cursos de licenciatura da Unesc promovem campanha em prol da Casa Guido
Itens como café, feijão e achocolatado, além de guloseimas para a Páscoa serão arrecadados até 12 de abril (Foto: Divulgação) Mais imagens

Acadêmicos dos cursos de licenciatura da Unesc mais uma vez estão unidos em prol de uma causa nobre. Na ação “Licenciaturas Solidárias” os alunos trabalham na arrecadação de donativos a serem doados para a Casa Guido, instituição de Criciúma que auxilia crianças portadoras de câncer e seus familiares. Estão sendo recolhidos itens como café, feijão, achocolatado e biscoitos, para uso no dia a dia da instituição e doação aos pacientes assistidos, além de guloseimas como balas e chocolates variados para colaborar com a comemoração de Páscoa das crianças. As doações podem ser entregues nos centros acadêmicos de todos os cursos de licenciatura da Unesc.

Conforme a acadêmica e estagiária do curso de Letras Maria Julia Deucher, a ideia foi iniciada por meio da proposta do início do ano letivo no Trote Solidário. “Pensando em envolver os alunos em uma ação beneficente acabamos escolhendo a Casa Guido por entender sua importância e sua credibilidade na nossa região”, explica.

Para a coordenadora da Casa Guido, Rosane Búrigo Gonçalves, é uma alegria que a instituição seja reconhecida em amparada pelos estudantes da Unesc. “É maravilhoso ver a preocupação deles em realizar uma ação solidária e investir seu esforço para causas como a das nossas crianças. Toda a arrecadação será muito bem recebida e fará a diferença para nós”, comentou.

Mayara Cardoso - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing 

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Mayara Cardoso 09 de abril de 2019 às 13:03
Compartilhar Comente

Unesc leva ações de conscientização à Praça Nereu Ramos no Dia Mundial da Água

Unesc leva ações de conscientização à Praça Nereu Ramos no Dia Mundial da Água
Atividades envolveram diversos setores da Universidade e 11 escolas da Gered (Fotos: Vitor Netto) Mais imagens

Segundo dados da ANA (Agência Nacional de Águas), “estima-se que 97,5% da água existente no mundo é salgada e não adequada ao consumo humano direto nem à irrigação da plantação”. Já o número de água doce, de 2,5%, tem a sua maior parcela, que corresponde a 69%, considerada de difícil acesso. Nesta sexta-feira, comemorou-se o Dia Mundial da Água e, além de celebrar este bem natural tão precioso e necessário para a sociedade, a data serve para relembrar destes números alarmantes e de trabalhar pela conscientização e preservação da água.

A Unesc, com o seu comprometimento com a preservação do meio ambiente realizou, na tarde desta sexta-feira (22/3), ações de conscientização e preservação da água e de assuntos relacionados ao Rio Criciúma. As atividades ocorreram na Praça Nereu Ramos e contaram com a participação de diversos setores da Universidade e de 11 escolas da Gered (Gerência Regional de Educação) de Criciúma.

Projetos inovadores

De acordo com a professora da Unesc, Andrea Rabello, a ação teve o intuito da propagação de conhecimento sobre a água. “A partir da parceria com a Gered, as escolas desenvolveram trabalhos e estudos sobre o assunto, sobre a importância da água e seus impactos e os estudantes trouxeram os trabalhos aqui na ação para apresentá-los”, explicou.

Um exemplo é o estudante do 2º ano do Ensino Médio do Cedup (Centro de Educação Profissional) Abílio Paulo, Yuri Lopes Machado, que utilizou o seu conhecimento em informática para propor medidas para a preservação da água e do meio ambiente. Em seu projeto, ele apresentou os principais tipos de contaminação dos lençóis freáticos e uma maquete em 3D de uma barragem de resíduos sólidos.

Conforme o estudante, a atividade proporcionou ampliar seus conhecimentos sobre a água. “Foi um projeto dinâmico em que tivemos que ir atrás das informações, uma atividade realizada fora da sala de aula, ou seja, tivemos que correr atrás das informações e estudar o assunto”, comentou. Com tanto empenho, o aluno mostrou que realmente aprendeu sobre o assunto. “A contaminação é um processo causado pela ação do ser humano e que acaba acarretando em nós mesmos”, acrescentou.

Conscientização sobre o Rio Criciúma

Outras atividades realizadas na ação contaram com a temática do Rio Criciúma. O rio já serviu de componente essencial para o desenvolvimento da cidade e hoje encontra-se escondido. Um exemplo, de acordo com o coordenador da Comissão Permanente de Meio Ambiente e Valores Humanos da Unesc, Carlyle Torres Bezerra de Menezes, é o local onde foi realizada a atividade, pois o rio passa por baixo da Praça.

De acordo com Carlyle o objetivo da ação foi de sensibilizar a sociedade para causas da água da região e do Rio Criciúma. “A maioria da população não conhece o rio, mas ele tem vida, ele está presente em nós e tem a possibilidade de renascer”, enfatizou.

Os pontos que o professor destaca sobre a atenção para o Rio Criciúma são as questões que envolvem as nascentes, a liberação de esgoto no rio, a poluição das bocas de mina que tem contato com o rio e os produtos de empresas que não são corretamente descartados. “Para ele ter vida, precisamos preservar as nascentes, pois não adianta trabalharmos onde ele corre, se a nascente não estiver boa”, comentou o coordenador.

A atividade na Praça Nereu Ramos contou com a participação do PPGCA (Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais), do PPGE (Programa de Pós-Graduação em Educação), Museu de Zoologia da Unesc Morgana Cirimbelli Gaidzinski, e dos cursos de Engenharia Ambiental e Sanitária, Ciências Biológicas, Geografia, Artes Visuais, Teatro, História, Letras, Matemática e Pedagogia.

Junto à ação realizada na Praça, a Unesc TV produziu um vídeo-documentário sobre o Rio Criciúma, em que apresenta a história do rio e suas interferências, pois mesmo silencioso, está presente no cotidiano da cidade.

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Vitor Netto Henrique 22 de março de 2019 às 17:39
Compartilhar Comente

Integração e conhecimento na recepção da Residência Pedagógica

Integração e conhecimento na recepção da Residência Pedagógica
Atividade foi conduzida pelo Ânima (Foto: Divulgação) Mais imagens

Os participantes da Residência Pedagógica da Unesc confraternizaram em uma tarde de boas-vindas. Acadêmicos e professores dos cursos de Geografia, Ciências Biológicas e Matemática compartilharam momentos de integração, autoconhecimento e lanche nesta terça-feira (19/3). A atividade foi conduzida pelo Ânima, representado pelo coordenador João Batanolli.

A coordenadora do curso de Geografia, Andréa Rabelo Marcelino, conta que a residência faz parte das ações da Política Nacional de Formação de Professores. O objetivo, segundo a coordenadora, é introduzir o aperfeiçoamento da formação prática nos cursos de licenciatura da Universidade.

“A busca dos coordenadores da área é de acolher, estudar, formar, debater, planejar ações e outras atividades que partilhem a regência de sala de aula e intervenção pedagógica”, explica Andréa.

Os coordenadores Édsom Ugione e Mainara Figueiredo Cascaes também conduziram a iniciativa.

Leonardo Ferreira – Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing 

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Leonardo Ferreira Barbosa 19 de março de 2019 às 12:38
Compartilhar Comente

Professores da Amrec participam de Formação Continuada na Unesc

Professores da Amrec participam de Formação Continuada na Unesc
Encontros ocorrem ao longo do ano com o tema “Valorização Docente e Discente” (Fotos: Milena Nandi) Mais imagens

Professores de Matemática de diversos municípios da Amrec passaram a manhã desta quarta-feira (6/3) na Unesc refletindo sobre o ensino, a proposta pedagógica de sua escola, a BNCC (Base Nacional Comum Curricular) e a PCSC (Proposta Curricular de Santa Catarina). Eles participaram do primeiro encontro do programa de Formação Continuada. Outros encontros ocorrerão ao longo de 2019 e incluirão profissionais de áreas como Educação Física, Biologia, Inglês, Português, Ensino Religioso e Ciências.

O coordenador do programa, Jeferson Luiz de Azeredo, explica que a as atividades da Formação Continuada ao longo do ano abordarão a temática “Valorização Docente e Discente”. “As atividades fazem parte do programa de Valorização Docente e têm como um de seus pilares a parceria com os municípios para formação continuada de seus professores. Em 2019 receberemos profissionais que atuam nos municípios de Cocal do Sul, Içara, Nova Veneza, Morro da Fumaça, Siderópolis e Urussanga”, comenta. O programa está vinculado ao Escritório de Negócios da Universidade.

O primeiro encontro foi comandado pelas professoras Eloir Mondardo Cardoso e Ledina Lentz Pereira do curso de Matemática da Universidade. Os trabalhos tiveram a apresentação de vídeo e dinâmicas com o objetivo de fazer a integração entre os professores de diferentes municípios. “Vamos pensar o ensino a partir da Base Nacional Comum Curricular e refletir a Matemática na Educação Básica e também no contexto da nossa escola”, explica Eloir.

Segundo Ledina, momentos de reflexão como o desta quarta-feira são oportunidades importantes para os profissionais. “A formação de seres humanos está nas mãos dos professores e isso nos remete ao compromisso sério que temos com a sociedade. É importante nos reunirmos para pensar o ensino da Matemática e a Educação Básica”.

Milena Nandi - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing 

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Milena Spilere Nandi 06 de março de 2019 às 11:43
Compartilhar Comente