Centro Especializado em Reabilitação - CER II

imagem do site
Newsletter Newsletter RSS RSS

Semana da Pessoa com Deficiência inicia com diálogo com entidades da região

Semana da Pessoa com Deficiência inicia com diálogo com entidades da região
O evento tem como objetivo dar visibilidade a esta camada da população (Fotos: Milena Nandi) Mais imagens

A 1ª Semana da Pessoa Com Deficiência e o 2º Encontro Intersetorial Regional dos Direitos da Pessoa com Deficiência iniciaram na noite desta quinta-feira (21/9) na Unesc com uma mesa de diálogo envolvendo representantes de entidades da região e profissionais de saúde. Os eventos seguem até 28 de setembro com diversas atividades no campus. Eles têm o objetivo de dar visibilidade à pessoa com deficiência e trazer temáticas diferenciadas ao debate, por meio de palestras, apresentações culturais e rodas de conversa. Prevenção de deficiências, educação inclusiva, gênero, sexualidade e deficiências, entre outros assuntos, serão discutidos durante os encontros.

Na abertura, o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Criciúma, Cláudio Pacheco e o promotor da 8º Promotoria de Justiça da Comarca de Criciúma, Maurício Vieira abordaram o histórico da luta pelos direitos da pessoa com deficiência no Brasil e na região. Segundo Pacheco, as primeiras experiências em forma de associações ocorreu tendo o foco na prática esportiva e apenas na década de 80 é que surgiram as primeiras associações para lutar pelos direitos destas pessoas.

Os eventos são gratuitos e promovidos pelo CER (Centro Especializado em Reabilitação) da Unesc, em parceria com o DIDH (Diversidades, Inclusão e Direitos Humanos), além de outros setores da Universidade.

Encontro para pensar melhorias

Segundo a coordenadora do CER, Lisiane Tuon, os temas que serão abordados ao longo dos eventos são importantes para a reflexão sobre assuntos que carecem de mais atenção. “Que bom que temos associações e entidades engajadas nesse debate. A Unesc sempre apoiou a inclusão em todos os espaços. A inclusão faz parte da política institucional da Universidade”, comentou.

O pró-reitor de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da Unesc, Oscar Montedo, comentou que a Semana da Pessoa com Deficiência é uma oportunidade para que todos reflitam como podem, de seus lugares, tornar os espaços mais acessíveis para todos.

A abertura do evento contou ainda com a participação do secretário de Saúde de Maracajá, Diogo Copetti, da diretora da UNA SAU (Unidade Acadêmica de Ciências da Saúde), Mira Dagostim, e da assistente social do CER, e representante do DIDH, Priscila Schacht Cardozo.

Manifesto

O primeiro dia da Semana foi marcado ainda pelo manifesto “É só um minutinho!”, que chamou a atenção dos motoristas que passaram pelo campus sobre as vagas de estacionamento destinadas às pessoas com deficiência.

Pacto pela Promoção do Respeito à Diversidade

A Semana da Pessoa com Deficiência da Unesc ainda será marcada pela assinatura do Pacto Universitário pela Promoção do Respeito à Diversidade, da Cultura da Paz e dos Direitos Humanos na terça-feira (26/9), às 19 horas, no Auditório Ruy Hülse. O evento contará com a palestra “Gênero, Sexualidade e Deficiências”, da professora da UFSC e pesquisadora vinculada ao Núcleo de Identidades de Gênero e Subjetividades do Departamento de Antropologia da UFSC e ao Núcleo de Estudos sobre Deficiência do Departamento de Psicologia da mesma universidade, Anahi Guedes Mello.

Segundo Priscila, do DIDH, além da Unesc aderir ao Pacto Universitário promovido pelo Ministério da Justiça e Direitos Humanos e pelo Ministério da Educação, a Universidade irá apresentar a comissão formada por alunos, professores, funcionários e gestores que vai pensar a apresentar ações relacionadas ao pacto a serem desenvolvidas pela Instituição nas esferas: ensino, pesquisa, extensão, gestão e comunidade.

A assinatura ocorrerá no dia em que o DIDH completa um ano de atividades na Unesc.

Mais informações

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Postado por: Milena Spilere Nandi 21 de setembro de 2017 às 22:35
Compartilhar Comente

“O Lançador de Foguetes” marca a quarta do Festival de Teatro Revirado no campus

“O Lançador de Foguetes” marca a quarta do Festival de Teatro Revirado no campus
Peça foi encenada por grupo De Pernas Pro Ar (Fotos: Ulisses Job) Mais imagens

O Lançador de Foguetes” esteve na Unesc na tarde desta quarta-feira (20/9) para procurar o lugar ideal, que converge o espaço físico e a energia do público, elementos essenciais para a excelência de sua experiência científica. A bordo de seu triciclo recheado de elementos cênicos, ele calculou, na Praça do Estudante, os fenômenos físicos que poderiam interferir nesta jornada e utilizou malabares circenses e engenhocas astrológicas para medir as distâncias, calcular o vento, sentir as energias para lançar seus foguetes.

O relato acima diz respeito a mais uma atividade do Festival Nacional de Teatro Revirado, que ocorre desta segunda a sexta-feira (18 a 22/9) no campus. A peça “O Lançador de Foguetes”, do grupo De Pernas Pro Ar, de Caxias do Sul (RS) foi a atração do evento nesta quarta-feira na Unesc, ao lado da Oficina de Treinamento Acrobático com a professora argentina Cora Alfiz, do grupo La Caravana.

A peça foi acompanhada por estudantes do Colégio Unesc e por pessoas da comunidade. Os pacientes do CER (Centro Especializado em Reabilitação) também estão acompanhando as atividades do Festival de Teatro na Unesc.

Festival


A Unesc, por meio do CER, firmou uma parceria com o Grupo de Teatro Cirquinho do Revirado para colaborar com a realização do evento que ocorre de 16 a 23 de setembro em 10 municípios da região Sul de Santa Catarina. No total, serão 48 apresentações, de 20 grupos de teatro de Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Ceará, Paraíba e ainda duas atrações da Argentina. O Festival é uma realização do Grupo de Teatro Cirquinho do Revirado, que comemora 20 anos em 2017. Até esta sexta-feira (22/9), o campus receberá oficinas, mesas-redondas, debates e apresentações gratuitas do evento.

Programação no campus

Dia 21


20 horas – Sala de Dança – Das águas - Grupo: Cia Carona de Teatro - Blumenau – Santa Catarina

Dia 22

19h30 – Praça do Estudante - Família ZL
20 horas - Praça do Estudante - O desembarque - Grupo: Circo Pirata - Balneário Camboriú –Santa Catarina
20h30 - Praça do Estudante - Revés - Grupo: Coletivo SOU - Içara – Santa Catarina

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Postado por: Milena Spilere Nandi 20 de setembro de 2017 às 21:18
Compartilhar Comente

Festival Nacional de Teatro Revirado inicia na Unesc

Festival Nacional de Teatro Revirado inicia na Unesc
“As Aventuras do Fusca a Vela” foi encenada no campus (Fotos: Ulisses Job e Antonio Rozeng) Mais imagens

A primeira noite na Unesc e terceira do Festival Nacional de Teatro Revirado iniciou com a apresentação do espetáculo “As Aventuras do Fusca a Vela”, do Grupo UEBA de Caxias do Sul (RS). Antes do espetáculo, foi aberta na sala Edi Balod, a Mostra Palhaços, do artista e professor da Unesc Sergio Honorato. As obras, feitas em aquarela, retratam palhaços catarinenses, e é uma homenagem aos 20 anos do grupo Cirquinho do Revirado.

Para o diretor UNA HCE (Unidade Acadêmica de Humanidades, Ciências e Educação) Marcelo Feldhaus, o Festival é um momento histórico para região. “É uma oportunidade única de atividade complementar para os alunos. É um momento histórico, que associa um grande evento em comemoração aos 20 do Cirquinho e marca a primeira turma do curso de teatro”, afirmou.

O professor Sergio Honorato explicou que a ideia das aquarelas surgiu num agradecimento ao ator e palhaço Fabiano Peruchi, onde retratou primeiro o palhaço Clovis. Depois de conversas com o próprio Fabiano, teve a ideia e recebeu material para confeccionar as demais obras.

As obras permanecem em exposição até o próximo dia 6 de outubro, das 14h às 21h, na sala Edi Balod.

Festival Nacional

Até esta sexta-feira (22/9), o campus receberá oficinas, mesas-redondas, debates e apresentações gratuitas do evento. 

A Unesc, por meio do CER (Centro Especializado em Reabilitação), firmou uma parceria com o Grupo de Teatro Cirquinho do Revirado para colaborar com a realização do evento que ocorre de 16 a 23 de setembro em 10 municípios da região Sul de Santa Catarina. No total, serão 48 apresentações, de 20 grupos de teatro de Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Ceará, Paraíba e ainda duas atrações da Argentina. O Festival é uma realização do Grupo de Teatro Cirquinho do Revirado, que comemora 20 anos em 2017.

*Com informações do assessor de imprensa do Cirquinho do Revirado, Antonio Rozeng

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Postado por: Assessoria de imprensa 18 de setembro de 2017 às 23:11
Compartilhar Comente

Festival de Teatro Revirado inicia nesta segunda sua programação na Unesc

Festival de Teatro Revirado inicia nesta segunda sua programação na Unesc
A peça “As aventuras do Fusca a Vela” será encenada às 20 horas (Foto: Divulgação) Mais imagens

As cortinas do espetáculo irão se abrir nesta segunda-feira (18/9) na Unesc. Às 20 horas, a Praça do Estudante será palco da primeira apresentação do Festival Nacional de Teatro Revirado. Em cena, os atores do Grupo UEBA Produtos Notáveis, de Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul, com a peça “As aventuras do Fusca a Vela”. Até esta sexta-feira (22/9), o campus receberá oficinas, mesas-redondas, debates e apresentações gratuitas do evento.

A Unesc, por meio do CER (Centro Especializado em Reabilitação), firmou uma parceria com o Grupo de Teatro Cirquinho do Revirado para colaborar com a realização do evento que ocorre de 16 a 23 de setembro em 10 municípios da região Sul de Santa Catarina. No total, serão 48 apresentações, de 20 grupos de teatro de Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Ceará, Paraíba e ainda duas atrações da Argentina. O Festival é uma realização do Grupo de Teatro Cirquinho do Revirado, que comemora 20 anos em 2017.

A abertura do Festival ocorreu sábado (16/9) em Içara.

Locais de apresentação

O Festival será todo com atrações gratuitas, sendo apresentadas nos municípios de Forquilhinha, Maracaja, Jacinto Machado, Nova Veneza, Orleans, Criciúma, Siderópolis, Cocal do Sul, Balneário Rincão.

Sinopse do espetáculo desta segunda

O Grupo Ueba apresenta “As Aventuras do Fusca a Vela” através da releitura do clássico Moby Dick. O espetáculo se passa em torno de um ferro velho, onde dois personagens se encontram em uma situação singular, confundindo realidade com fantasia. O velho Ismael conta e experimenta sua história através do seu fusca, transformando o carro em uma embarcação, conduzindo o espectador a viajar com seus delírios, para ver de perto a fúria de uma vingança. O jovem Jonas, nome inspirado no profeta Jonas que foi engolido pela baleia, entra na história ao jogar uma bola contra o fusca e assim chamar a atenção do velho Ismael. Os dois partem em uma surpreendente aventura, com tubarões, sereias, tempestades e a caça movida pelo sentimento de vingança a baleia Moby Dick. Entre os efeitos especiais, destaque para sinalizadores, como fogos artificiais e formas incandescentes, além da chuva artificial e a utilização de um Drone, efeitos que que encantam a plateia e faz todos prenderem o fôlego.

Programação no campus da Unesc

Dia 19
14 horas – Sala de Dança - Oficina de Treinamento Acrobático - Professora Cora Alfiz - La Caravana - Argentina
15 horas – Praça do Estudante – Silêncio total, vem chegando um palhaço - Luiz Carlos Vasconcelos - João Pessoa – Paraíba
19 horas – Sala 1 do Bloco O – Mesa-redonda “A comicidade na cena” - Luiz Carlos Vasconcelos, Palhaço Biriba e Marcelo Pena

Dia 20
14 horas – Sala de Dança - Oficina de Treinamento Acrobático - Professora Cora Alfiz - La Caravana – Argentina
15 horas - Praça do Estudante - O Lançador de Foguetes - Grupo: De Pernas Pro Ar - Canoas – Rio Grande do Sul

Dia 21
20 horas – Sala de Dança – Das águas - Grupo: Cia Carona de Teatro - Blumenau – Santa Catarina

Dia 22
19h30 – Praça do Estudante - Família ZL
20 horas - Praça do Estudante - O desembarque - Grupo: Circo Pirata - Balneário Camboriú –Santa Catarina
20h30 - Praça do Estudante - Revés - Grupo: Coletivo SOU - Içara – Santa Catarina

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Postado por: Milena Spilere Nandi 18 de setembro de 2017 às 13:58
Compartilhar Comente

Semana da Pessoa com Deficiência vai tratar sobre inclusão, diversidade e acessibilidade

Semana da Pessoa com Deficiência vai tratar sobre inclusão, diversidade e acessibilidade
Encontro ocorre a parti de quinta-feira na Unesc (Foto: Divulgação) Mais imagens

Com o intuito de dar visibilidade à pessoa com deficiência e trazer temáticas diferenciadas ao debate, a Unesc promove na próxima quinta-feira (21/9) a primeira edição da Semana da Pessoa Com Deficiência e 2º Encontro Intersetorial Regional dos Direitos da Pessoa com Deficiência. A programação conta com palestras, debates, apresentações culturais e rodas de conversa. O encontro é gratuito e promovido pelo CER (Centro Especializado em Reabilitação) da Unesc, em parceria com o DIDH (Diversidades, Inclusão e Direitos Humanos), além de outros setor da Universidade.

Segundo a assistente social do CER, Priscila Schacht Cardozo, existem normas técnicas para a acessibilidade, as legislações que favorecem, no entanto, as barreiras do cotidiano separam as pessoas com deficiência do convívio em sociedade. “São atitudes que fortalecem a invisibilidade das pessoas com deficiência. De nada adianta termos as vagas de estacionamento reservadas essas pessoas se elas são utilizadas sem critérios, por exemplo. O maior desafio é mudar o pensamento das pessoas”, comentou.

Prevenção de deficiências, educação inclusiva, gênero, sexualidade e deficiências, entre outros assuntos, serão discutidos durante o encontro. “Estamos em um momento de discussão de superar o olhar de "um corpo que carrega uma lesão". Este corpo carrega uma história, prazeres, dores e alegrias. Ele precisa ser considerado para além de uma lesão. Precisamos pensar por exemplo a sexualidade de homens e de mulheres com deficiência, as relações inter-étinicas, as questões de gênero, entre outros temas”, comentou Priscila.

Confira a programação

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Postado por: Mayra Antonio De Lima 14 de setembro de 2017 às 21:29
Compartilhar Comente