Artes Visuais - Bacharelado

Sala Edi Balod recebe exposição de trabalhos de acadêmicos e de artistas em junho

Sala Edi Balod recebe exposição de trabalhos de acadêmicos e de artistas em junho
Espaço fica localizado no Bloco Administrativo da Universidade (Foto: Arquivo) Mais imagens

Na Unesc, a Sala Edi Balod é um espaço de exposições e Laboratório de Artes Visuais, que oferece a possibilidade de estudantes dos cursos de Bacharelado e de Licenciatura em Artes Visuais desenvolverem trabalhos e da comunidade interna e externa conhecer esta produção. Além disso, o local recebe exposições com obras de artistas de diversos lugares.

Todos os meses, a Sala Edi Balod oferece diferentes experiências para o público, que podem ser mostras, diálogos, apresentações e oficinas. Em junho, o calendário iniciou com a abertura da exposição “Depois é Nunca”, nesta segunda-feira (3/6). A mostra faz parte das atividades da 14ª Semana do Meio Ambiente e Valores Humanos da Universidade.

Confira as próximas atividades da Sala:

10 a 30 de junho – Inscrições de projetos de ocupação da Sala Edi Balod no período do primeiro semestre de 2019 ao primeiro semestre de 2020.

10 de junho, às 18 horas – Grupo de Leitura – Texto: “A Hora das Instituições”, de Sérgio Bruno Martins.

12 de junho, às 14 horas – Abertura da exposição do projeto de oficinas com alunos da Escola São Cristóvão. Visitação até o dia 18 de junho.

19 de junho, às 20h30 – Lançamento do projeto Radar Contemporâneo, com Alan Cichela e Jonas Esteves (Rio de Janeiro).

25 de junho, às 19 horas – Abertura da exposição de TCCs (Trabalhos de Conclusão de Curso) dos alunos do curso de Artes Visuais (Bacharelado).

Saiba mais sobre a Sala Edi Balod


Milena Nandi – Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Milena Spilere Nandi 07 de junho de 2019 às 10:56
Compartilhar Comente

Quinta-feira é dia de arte e cultura na Unesc

Quinta-feira é dia de arte e cultura na Unesc
Para participar, o interessado deve procurar o Arte e Cultura da Universidade (Foto: Arquivo) Mais imagens

Há dez anos, nas quintas-feiras, os professores, colaboradores e estudantes da Unesc são recepcionados com arte e cultura no campus. O projeto Quintas Culturais, iniciativa do Setor de Arte e Cultura, abre as portas da Universidade para artistas do canário universitário e do público externo.

Nesta quinta-feira (28/3), o palco do Quintas receberá os acadêmicos de Artes Visuais, Danielle Rozeng e Leonardo Cardoso, para uma apresentação de canto.
Para participar, os interessados devem entrar em contato com o Setor de Arte e Cultura no e-mail cultura@unesc.net.

Pluralidade cultural

A coordenadora do Setor, Amalhene Baesso Reddig, explica que o espaço é multicultural e dá visibilidade às diferentes manifestações encontradas na região. “É um incentivo à cultura e suas formações. O local entrega o que se faz necessário para nossa missão, de ampliar o olhar e a sensibilidade da cultura e da arte, no campus e fora dele”, destaca.

O Quintas

Com a finalidade de incentivar talentos, o desenvolvimento da percepção e compreensão de diferentes linguagens artísticas na comunidade acadêmica é reforçado no palco. A participação gratuita garante a circulação, formação e o fomento da arte e da cultura na Universidade.

O produtor cultural da Unesc, Maxwell Sandeer Flor, avalia o projeto como uma iniciativa consolidada. “O Quintas Culturais possui espaço físico, com identificação e iluminação própria. Estamos cumprindo com o objetivo de promover a difusão de diferentes linguagens artísticas, como dança, música, teatro, performance, poesia e outras”, destaca.  

Leonardo Ferreira - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Leonardo Ferreira Barbosa 27 de março de 2019 às 10:43
Compartilhar Comente

Sala Edi Balod recebe exposição “Coleções, fragmentos e outros acasos”

Sala Edi Balod recebe exposição “Coleções, fragmentos e outros acasos”
Proposta conta com fotografias e objetos (Fotos: Reprodução) Mais imagens

A Sala Edi Balod receberá, a partir da próxima quinta-feira (14/03), a exposição “Coleções, fragmentos e outros acasos”, de autoria da artista Tharciana Goulart, de Florianópolis. O trabalho traz como conceito principal o colecionismo por meio de fotografias e objetos que compõe a coleção.

Além da exposição aberta à visitação no espaço, a ação contará ainda com a oficina "Imagens Transitórias". A atividade será ministrada pela própria artista, das 13h30 às 17h30, com a intenção de proporcionar vivência sobre a técnica de antotipia discutindo seu caráter histórico e relevância para as Artes Visuais. Tharciana oferecerá também a oportunidade de alunos e interessados em seu trabalho participarem de um bate-papo a partir das 19h30.

A exposição ficará à disposição do público até o dia 12 de abril, de segunda à sexta-feira, das 14h às 18h na Sala Edi Balod, no Bloco Administrativo da Unesc.

Mayara Cardoso - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Mayara Cardoso 11 de março de 2019 às 19:49
Compartilhar Comente

Cultura Popular de Santa Catarina pauta palestra na Unesc

Cultura Popular de Santa Catarina pauta palestra na Unesc
Evento contou com a participação de alunos do PIBID de Artes Visuais (Fotos: Vitor Netto) Mais imagens

Uma tarde para estudar e avivar a cultura popular da região. Assim foi a quinta-feira (29/11) dos alunos do PIBID (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência) do curso de Artes Visuais da Unesc. Os estudantes puderam prestigiar a palestra “Cultura Popular em Santa Catarina”, ministrada pela acadêmica de Artes Visuais, Cátia Hahn.

A palestra abordou a cultura regional do estado e as perspectivas do projeto Boi de Mamão na Comunidade, da Unesc. O objetivo principal foi de dialogar com os acadêmicos e fomentar o assunto dentro da Universidade, apresentando os resultados do projeto.

Cultura popular é uma manifestação espontânea e simples com características regionais e que muitas vezes transmitidos entre gerações. Entre as expressões artísticas que se destacam na região, está o Boi de Mamão; a Festa do Divino; Diálogos Populares; Gastronomia; e a diversidade proveniente das diversas etnias da região.

“Nós nos identificamos com a cultura e às vezes, nós só sentimos falta quando estamos longe”, explica Cátia. “Isso nos faz ter um pertencimento com a cultura, faz com que nós nos sentimos pertencentes aquele lugar, precisando das nossas raízes, identificando quem somos”, acrescenta.

De acordo com a professora Silemar Maria de Medeiros da Silva, o encontro teve o objetivo de promover entre os alunos o assunto. “Um momento para pararmos para pensar um pouco sobre isso, falar sobre cultura e as manifestações existentes nela”, comenta.

Intercâmbio Cultural

Cátia também é presidente da Casa da Fraternidade, de Araranguá, que, como a Unesc, é um Ponto de Cultura. Pontos de Cultura são grupos, coletivos e entidades de natureza ou finalidade cultural, que desenvolvem e articulam atividades em suas comunidades e em redes, reconhecidos e certificados pelo Ministério da Cultura, por meio dos instrumentos da Política Nacional de Cultura Viva.

Boi de Mamão na Comunidade

O projeto Boi de Mamão na Comunidade é uma iniciativa do Setor Arte e Cultura e tem por objetivo realizar a oficina de Boi de Mamão em duas escolas públicas de Criciúma. Atualmente, a ação é desenvolvida nas Escolas Heriberto Hülse, no bairro Próspera, e Ludovico Coccolo, no bairro São Luiz, e busca fomentar a cultura açoriana, por meio de conceitos de personagens, cantorias e diálogos entre as linguagens musical, teatral, literária e visual.

O evento contou com a participação da coordenadora do Setor de Arte e Cultura da Unesc, Amalhene Baesso Reddig, e do produtor cultural da Unesc, Maxwell Sandeer Flor.

Vitor Netto - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Vitor Netto 30 de novembro de 2018 às 14:47
Compartilhar Comente

Unesc recebe palestra sobre Cultura Popular de Santa Catarina

Unesc recebe palestra sobre Cultura Popular de Santa Catarina
Evento é gratuito e oferecido pelo Setor de Arte e Cultura (Foto: Arquivo) Mais imagens

A Universidade receberá na próxima quinta-feira (29/11) a palestra “Cultura Popular em Santa Catarina” ministrada pela aluna do curso de bacharelado em Arte Visuais da Unesc, Cátia Sirlene Gonçalves Hahn. A palestra abordará as relações culturais existentes no estado e o projeto Boi de Mamão na Comunidade, realizado pela Unesc. O evento será oferecido pelo setor do Setor de Arte e Cultura da Unesc e ocorrerá às 17h30 na sala 4 do Bloco Z.

De acordo com o produtor cultural da Unesc, Maxwell Sandeer Flor, o evento tem o objetivo de ampliar os diálogos entre os saberes e fazeres da cultura popular de Santa Catarina. “A palestra traz o conhecimento popular para a academia, e a academia traz o conhecimento científico, o que é muito significativo para a comunidade e para a cultura”, comenta.

Intercâmbio Cultural

Cátia também é presidente da Casa da Fraternidade, de Araranguá, que, como a Unesc, é um Ponto de Cultura. Pontos de Cultura são grupos, coletivos e entidades de natureza ou finalidade cultural, que desenvolvem e articulam atividades em suas comunidades e em redes, reconhecidos e certificados pelo Ministério da Cultura, por meio dos instrumentos da Política Nacional de Cultura Viva. “Isso faz um intercâmbio ‘Ponto a Ponto’, ou seja, um uma troca de experiências e relações entre os pontos de culturas, essa relação é muito importante”, acrescenta Flor.

Boi de Mamão na Comunidade

O projeto Boi de Mamão na Comunidade é uma iniciativa do Setor Arte e Cultura e tem por objetivo realizar a oficina de Boi de Mamão em duas escolas públicas de Criciúma. Atualmente a ação é desenvolvida nas Escolas Heriberto Hülse, no bairro Próspera, e Ludovico Coccolo, no bairro São Luiz, e busca fomentar a cultura açoriana, por meio de conceitos de personagens, cantorias e diálogos entre as linguagens musical, teatral, literária e visual.

Vitor Netto - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Por: Vitor Netto Henrique 27 de novembro de 2018 às 16:21
Compartilhar Comente