Newsletter Newsletter RSS RSS

Professor da Unesc lança obra em parceria com Instituto Olho D’ Água e Unicamp

Professor da Unesc lança obra em parceria com Instituto Olho D’ Água e Unicamp
Mais imagens

A Unesc, por meio do LAPIS (Laboratório de Arqueologia Pedro Ignácio Schmitz), o Instituto Olho D’ Água, do Piauí, e o Laboratório de Arqueologia Pública Paulo Duarte, da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) reuniram conhecimentos para criar o livro Digital “A multivocalidade da Arqueologia pública no Brasil: Comunidades, práticas e direito”. A obra está disponível desde esta terça-feira (5/12) e foi viabilizada pela Editora Unesc.

O e-book reuniu informações resultantes das pesquisas dos professores doutores Juliano Bitencourt Campos, Pedro Paulo Abreu Funari e Marian Helen Rodrigues, com foco na arqueologia pública e na gestão de patrimônios.

Campos, que desenvolve seus trabalhos na Unesc, conta que este campo de atuação da Arqueologia foi iniciado no fim do século 20 e vem se expandindo. Ele explica ainda que seu objetivo é relacionar a prática arqueológica com as sociedades e comunidades indígenas. “A Arqueologia Pública vem se popularizando nas duas últimas décadas. Esta área, que antes era masculina, hierárquica e militar, passou a incluir mulheres e indígenas nas qualificações acadêmicas. Assim, foram cruzadas pesquisas que resultaram na revista, formada por uma rede de pesquisadores multidisciplinares do Brasil e Exterior”, esclarece.

Outro fator de destaque, segundo Campos, são as várias áreas do conhecimento que se completam. “Unimos contribuições de variadas regiões do país e perspectivas teóricas e multidisciplinares, englobando à Arqueologia, Letras, História, Ciências Ambientais, Pedagogia, Música, Turismo, Geografia, Ambiente e Sociedade, Filosofia, Comunicação Social, Jornalismo, Oceanologia, Direito, Antropologia Social, conhecimentos acadêmicos, profissionais e indígenas. Essa mistura mostra a fertilidade desta área de pesquisas”, afirma.

Os interessados podem conhecer a obra através link

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

06 de dezembro de 2017 às 17:54
Compartilhar Comente

Livro de professor e egresso destacam Complexo Ervateiro de Santa Catarina

Livro de professor e egresso destacam Complexo Ervateiro de Santa Catarina
Lançamento ocorreu na noite desta segunda-feira (Fotos: Mayra Lima) Mais imagens

A história e o dia a dia das plantações de erva mate em Santa Catarina agora estão registrados. A união de duas pesquisas deu origem a obra “Complexo Ervateiro de Santa Catarina”, escrita pelo professor Alcides Goularti Filho e pelo egresso da Unesc Fabio Farias de Moraes. O livro foi lançado pela Editora Unesc na noite desta segunda-feira (27/10).

Sincronia

O egresso destaca a sincronia dos dois trabalhos que deram origem à obra. “Percebemos a afinidade e decidimos então colocar as ideias no mesmo trabalho. Afinamos a linguagem e chegamos a um resultado expressivo que vai contribuir para quem está estudando e pesquisando sobre o complexo e sobre a economia regional”, explicou.

Segundo o professor da Unesc, a economia foi o tema principal dos trabalhos. “Tivemos como eixo central a economia regional e a erva mate, que foi de grande importância para a formação econômica no Planalto Norte catarinense".

O livro foi construído em cinco capítulos, dois para cada autor e um relacionando as ideias.

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Por: Mayra Antonio De Lima 30 de outubro de 2017 às 21:15
Compartilhar Comente

Unesc leva atividades ao público da Feira do Livro de Criciúma

Unesc leva atividades ao público da Feira do Livro de Criciúma
Diversos setores da Universidade participaram do evento (Foto: Divulgação) Mais imagens

A 12ª Feira do Livro de Criciúma movimentou o município nas últimas semanas e a Unesc fez parte deste evento com setores, serviços e os cursos que levaram informações e atividades ao público, no período de 4 a 11 de outubro.

A programação da Unesc na Feira do Livro contou com o lançamento de “Pintado, o Mascote do Museu”, uma obra da Editora Unesc, resultado da parceria entre o Museu e a Polícia Militar Ambiental, escrito pela coordenadora do Museu de Zoologia da Unesc, Morgana Cirimbelli Gaidzinski, com ilustração de Vamber Cabral; contação de história e Oficina de Marca Página com os funcionários da Biblioteca Professor Eurico Back; dicas de preservação de livros e restauração de obras com o Cedoc (Centro de Memória e Documentação); atividades para o público infantil com o Colégio Unesc e apresentações musicais com o Setor de Arte e Cultura.

A Editora Unesc deu orientações de como publicar uma obra e realizar o “Desapega Literário” e a Livraria Unesc realizou momentos de leitura.

Já os Programas de Relacionamento esclareceram sobre os processos seletivos para ingresso na Unesc e para obtenção de bolsas de estudo. E para quem quis saber mais sobre os cursos e oportunidades no ensino, na pesquisa e na extensão que a Universidade oferece, professores e alunos dos diversos cursos estiveram disponíveis para conversar e tirar dúvidas.

A Feira do Livro ocorre na Praça Nereu Ramos até o dia 14 de outubro e é organizada pela Câmara Catarinense do Livro, em parceria com a Fundação Cultural de Criciúma.

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Por: Milena Spilere Nandi 13 de outubro de 2017 às 16:52
Compartilhar Comente

Unesc presente na Feira do Livro de Criciúma

Unesc presente na Feira do Livro de Criciúma
Cursos e setores realizarão atividades com o público (Foto: Arquivo) Mais imagens

A Feira do Livro de Criciúma inicia nesta quarta-feira (4/10) e a Unesc vai marcar presença mais uma vez neste espaço de cultura e compartilhamento. Na 12ª edição do evento, setores, serviços e os cursos da Universidade vão levar informações e atividades ao público, no período de 4 a 11 de outubro.

A programação da Unesc na Feira do Livro inicia às 10 horas desta quarta-feira, com o lançamento de “Pintado, o Mascote do Museu”, uma obra da Editora Unesc, resultado da parceria entre o Museu e a Polícia Militar Ambiental, escrito pela coordenadora do Museu de Zoologia da Unesc, Morgana Cirimbelli Gaidzinski, com ilustração de Vamber Cabral. Outra sessão para apresentar o livro infantil ao público ocorrerá ainda às 15h30.

A Universidade levará ainda para a Praça Nereu Ramos, contação de história e Oficina de Marca Página com os funcionários da Biblioteca Professor Eurico Back; dicas de preservação de livros e restauração de obras com o Cedoc (Centro de Memória e Documentação); atividades para o público infantil com o Colégio Unesc e apresentações musicais com o Setor de Arte e Cultura.

A Editora Unesc vai dar orientações de como publicar uma obra e realizar o “Desapega Literária” e a Livraria Unesc vai realizar momentos de leitura.

Já os Programas de Relacionamento vão esclarecer sobre os processos seletivo para ingresso na Unesc e para obtenção de bolsas de estudo. E para quem quer saber mais sobre os cursos e oportunidades no ensino, na pesquisa e na extensão que a Universidade oferece, professores e alunos dos diversos cursos estarão disponíveis para conversar e tirar dúvidas.

A Feira do Livro ocorre na Praça Nereu Ramos até o dia 14 de outubro e é organizada pela Câmara Catarinense do Livro, em parceria com a Fundação Cultural de Criciúma.

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Por: Milena Spilere Nandi 03 de outubro de 2017 às 18:19
Compartilhar Comente

Editora Unesc lança obra sobre Parto Humanizado

Editora Unesc lança obra sobre Parto Humanizado
Lançamento ocorreu na Acic, no último sábado (Foto: Foco e Luz) Mais imagens

A humanização do parto entrou em pauta no último sábado (12/8). A Editora Unesc lançou a obra “Parto Humanizado: O Nascimento em Ambiente Amorizado", organizada pela professora Rosa Nadir Teixeira. O lançamento também contou com uma palestra ministrada pela Enfermeira Obstetra e Neonatal da modelo Gisele Büdchen, Mayra Calvette, criadora do projeto Parto Pelo Mundo, com o tema: “Parto Humanizado: Instintivo e Transformador”.

Mayra comentou que o parto é muito mais do que fisiológico, é uma grande transformação. “É uma oportunidade única de mergulhar em si e de reconhecer a voz interior. É que quando se está conectado com o lado saudável do seu ser, a energia que flui para dentro e para fora pode se mover livremente, da forma semelhante à da rosa ao emanar perfume e absorver a luz do sol através das pétalas”, ccontou a enfermeira.

Fonte: Setor de Comunicação Integrada

Por: Mayra Antonio De Lima 15 de agosto de 2017 às 16:09
Compartilhar Comente