Design

Dupla titulação entre Design da Unesc e da Universidade de Avellaneda é reconhecida pela Organização dos Estados Ibero-Americanos

Dupla titulação entre Design da Unesc e da Universidade de Avellaneda é reconhecida pela Organização dos Estados Ibero-Americanos
Iniciativa fará parte de Manual Ibero-Americano de Boas Práticas na Internacionalização (Foto: Divulgação) Mais imagens

A parceria entre Unesc e Universidade Nacional de Avellaneda, na Argentina, para a dupla titulação entre cursos da área de Design oferecidos pelas instituições, foi reconhecida pela Organização dos Estados Ibero-Americanos (OIE) entre as melhores de Práticas de Qualidade na Internacionalização. A experiência entre o curso de Design de Produto da Unesc e o de desenho Industrial de Avellaneda, ficou em primeiro lugar em uma das categorias e fará parte do Manual Ibero-Americano de Boas Práticas na Internacionalização que a OEI publicará em breve.

O anúncio foi feito na última semana e a comissão julgadora avaliou 83 experiências apresentadas por 59 universidades de 14 países em que a língua portuguesa e espanhola são predominantes. O projeto apresentado pela secretaria acadêmica da Universidade de Avellaneda, Julia Denazis, “Dupla Titulação e Internalização do Currículo: O caso dos cursos de Desenho Industrial (Undav) - Curso do Design do Produto (Unesc)”, ficou em primeiro lugar na categoria “Internacionalização de Currículo – Interculturalidade Programas Compartilhados” e por isso será apresentada durante o Seminário Ibero-americano de Práticas de Qualidade na Internacionalização, que ocorrerá nos dias 9 e 10 de dezembro.

A escolha das melhores práticas foi uma iniciativa da OEI, em conjunto com o Instituto Internacional de Ensino Superior da América Latina e do Caribe, vinculado à Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), com a Universidade Autônoma de Bucaramanga, na Colômbia, com a Universidade de Alcalá, na Espanha, com a Universidade Nacional de Córdoba, na Argentina e com a Associação Colombiana de Universidades.

Parceria firmada em 2015

As tratativas para a dupla titulação entre as instituições argentina e brasileira iniciou em 2011 e foi concretizada em 2015. Neste período, professores da Universidade de Avellaneda visitaram e Unesc e também receberam os professores da instituição brasileira em seu campus.

O coordenador do curso de Design de Produto da Unesc, João Rieth, participou do projeto que culminou na parceria entre as instituições e avalia o reconhecimento internacional do projeto como de extrema importância tanto para as universidades quanto para os estudantes. “Hoje podemos avaliar o benefício da dupla titulação que proporcionou o intercâmbio dos acadêmicos das duas instituições e permitiu a reavaliação das nossas práticas pedagógicas. O crescimento pessoal e profissional daqueles estudantes que participaram incentiva a continuidade do programa, uma vez que se refletiu no próprio aproveitamento dos demais acadêmicos. O Design possui uma relação direta com a cultura dos usuários e vivendo em outro país esta variável se mostrou mais evidente!”, salienta.

A diretora do curso de Desenho Industrial da Universidade Nacional de Avellaneda, Lucrecia Piattelli, também participou do processo de desenvolvimento da dupla titulação e explica o acordo de dupla titulação se transformou em instrumento de que produz indicadores reais de crescimento acadêmico.

“Encontramos nas práticas de intercâmbio e mobilidade, experiências que produzem transformações significativas na vida acadêmica dos estudantes, enquanto sua formação e crescimento pessoal. O reconhecimento de trajetos formativos brinda a possibilidade de ampliar nossos olhares sobre o campo, correr suas fronteiras em relação aos perfis profissionais, permitir aos estudantes viver experiências internacionais, capacitar-se e praticar o estudo de outra língua. Temos pela frente o compromisso e o desafio de sustentar novos grupos, dar continuidade e promover novas práticas de intercâmbio em redes latino-americanas”, afirma Lucrecia.

Experiência que ajuda a ir além

Caio Canarin Mroninski, foi o primeiro estudante de Design de Produto da Unesc a participar do acordo de dupla titulação. Em julho de 2017, ele foi morar na Argentina para cursar a quarta e quinta fases da graduação na Universidade Nacional de Avellaneda.

A motivação de Caio para ir partiu da curiosidade em conhecer outra instituição e por ser o primeiro a realizar um intercâmbio na modalidade de dupla titulação. Outro ponto avaliado por Caio foi que o diploma argentino é aceito na Espanha, que faz parte do Pacto de Bologna, validando o diploma em mais de 30 países. “A experiência de intercâmbio fez com que os meus horizontes se ampliassem. Tive a oportunidade de estudar, trabalhar e conviver com pessoas não só da Argentina, mas do mundo todo, o que me amadureceu como pessoa e me desenvolveu como profissional. A cultura está muito ligada a maneira como se projeta e interage com Design, e isso também influenciou no desenvolvimento de uma nova ótica sobre a forma que se projeta produtos”, afirma.

Do lado argentino da parceria, a aluna da quarta fase do curso de Desenho Industrial da Universidade de Avellaneda, Camila Eliana Villasuso, está na Unesc desde 2019 fazendo parte de seu curso de graduação.

“Eu sempre quis fazer um intercâmbio estudantil e quando soube que o Caio tinha vindo para Avellaneda, comecei a buscar mais informações, ter aulas de Língua Portuguesa e me candidatei à vaga. Queria viver a experiência de estudar em outro país e conhecer outra cultura. Na área de Design, o usuário sempre é um objeto de estudo muito importante e queria também conhecer as mudanças culturais que influenciam na hora de desenvolver produtos para outro mercado de consumo. Está sendo uma experiência de um valor incalculável, daquelas que abrem a mente para sempre, na vida acadêmica e pessoal. É uma experiência que todo estudante deveria viver”.

Milena Nandi – Agência de Comunicação da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

20 de outubro de 2020 às 16:44
Compartilhar Comente (1)

Designer italiana Francesca Valan compartilha experiências em evento que marca os dez anos do curso de Design da Unesc

Designer italiana Francesca Valan compartilha experiências em evento que marca os dez anos do curso de Design da Unesc
Experiente profissional abordou a temática “Design e Cor” (Fotos: Mayara Cardoso) Mais imagens

O curso de Design - ênfase em projeto de produtos da Unesc teve, na noite desta quinta-feira (17/9), um evento histórico. Não bastasse o encontro virtual marcar antecipadamente a celebração dos dez anos de implantação do curso, a noite foi de compartilhamento de conhecimentos por parte de uma profissional reconhecida internacionalmente e disposta a dividir experiências, além de responder os questionamentos dos acadêmicos da Universidade.

A designer italiana Francesca Valan foi a estrela da Aula Inaugural que levantou a temática “Design e Cor”. Conectada virtualmente direto de sua residência na Itália e disposta a encarar a diferença imposta pelo fuso horário, Francesca dedicou-se por mais de uma hora a falar sobre algumas de suas experiências no design de produtos em grandes empresas e sua trajetória na área.

Para o coordenador do curso de Design, João Luís Silva Rieth, nada melhor que uma troca de experiências tão excepcional como a proporcionada pela colega e amiga pessoal Francesca para marcar a primeira década de Design de Produto na Unesc. “O conteúdo compartilhado por ela foi muito rico em tantos processos, estudos, pesquisas e projetos. Acredito que os acadêmicos e profissionais que estiveram conosco ou que irão assistir posteriormente no YouTube irão refletir sobre as escolhas e sobre nosso compromisso, inclusive, com a sustentabilidade e a natureza”, destacou.

Francesca é designer industrial especializada na concepção de cores, materiais e acabamentos, ela se formou em Desenho Industrial no IED (Instituto Europeu de Design) em Milão. Entre suas falas ela destacou suas perspectivas diante do estudo de cores para determinadas marcas e produtos e salientou seu olhar voltado, em especial, ao trabalho sustentável. “Para mim a tendência mais importante é ligada à sustentabilidade, não exatamente como tendência de moda, mas que tenha esse apelo de redução de impacto”, salientou.

A palestra da designer internacional foi traduzida pelo professor Giovani Simão de Luca com participação do coordenador João Rieth. O evento foi prestigiado ainda pela pró-reitora de Planejamento e Desenvolvimento Institucional, Gisele Coelho Lopes.

O conteúdo completo fica disponível no canal da Unesc TV no YouTube. Confira:

Mayara Cardoso - Agência de Comunicação da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

17 de setembro de 2020 às 21:28
Compartilhar Comente

Curso de Design da Unesc promove palestra virtual com Francesca Valan

Curso de Design da Unesc promove palestra virtual com Francesca Valan
Profissional é referência mundial na área de cores e ministra pela primeira vez em um evento para o Brasil (Foto: Divulgação) Mais imagens

O segundo semestre de 2020 começa com um grande evento no curso de Design - ênfase em projeto de produtos da Unesc. De forma virtual, a designer italiana Francesca Valan ministra a Aula Inaugural “Design e Cor”. O evento ocorre nesta quinta-feira (17/9), a partir das 19 horas, e marca os dez anos da aprovação do projeto do curso, celebrada no dia 23 de outubro de 2010. O momento será transmitido ao vivo, com tradução simultânea, em YouTube/UnescTv.

Conforme o coordenador do Design, João Luís Silva Rieth, a profissional tem notoriedade mundial, além de uma vasta experiência. “É uma personalidade importante para a área. Conhecida mundialmente, Francesca faz parte de um seleto grupo de profissionais de referência neste campo de atuação”, destaca.

Esta será a primeira palestra da designer para o Brasil. Sua trajetória conta com trabalhos em andamento com a Samsung, NEC, Telecom Italia, LG, Lego, Fila, Campari e muitas outras multinacionais. Para Rieth, que já realizou trabalhos em parceria com a profissional, será um rico momento para os estudantes e interessados no assunto. “O tema tratado está presente na formação acadêmica dos alunos, porém há pouca bibliografia disponível em todo o mundo. Por isso, sua experiência na prática tem muito a contribuir para o processo formativo”, evidência.

Francesca Valan


Designer industrial especializada na concepção de cores, materiais e acabamentos, ela se formou em Desenho Industrial no IED (Instituto Europeu de Design) em Milão. De 1990 a 1998 colaborou com Clino Castelli em projetos de design de cores na Europa e no Japão. Hoje vive e trabalha em Milão, onde em 1998 fundou o seu próprio estúdio.

Em destaque, a profissional elaborou as Diretrizes para o Plano de Cores da cidade de Milão. Entre seus projetos mais recentes está o estudo para a reabilitação da Fortezza da Basso para o município de Florença. Também foi curadora do Muba (Museo dei Bambini Milano), o museu infantil de Milão, e leciona cor e design de materiais no mestrado do IED.  

Leonardo Ferreira - Agência de Comunicação da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

15 de setembro de 2020 às 16:00
Compartilhar Comente

Designers e engenheiros formados na Unesc preparados para fazer a diferença

Designers e engenheiros formados na Unesc preparados para fazer a diferença
Universidade colou grau de novos 65 profissionais qualificados ao mercado (Fotos: Reprodução) Mais imagens

A noite desta quarta-feira (9/9) encerrou um ciclo de muito aprendizado para 65 acadêmicos que tornaram-se profissionais das áreas do Design e da Engenharia. Por meio de cerimônia de Colação de Grau Especial virtual, os agora egressos dos cursos de Design, Engenharia Ambiental e Sanitária, Engenharia Civil, Engenharia de Agrimensura e Cartográfica, Engenharia De Materiais, Engenharia De Produção e Engenharia Mecânica celebraram suas conquistas, tiveram o grau outorgado para que possam exercer suas profissões e foram inspirados a partir das palavras de colegas e professores.

Sob comando das graduandas oradoras, Leticia Pacheco Rodrigues da Rocha e Maria Victória Prestes Luchese, os colegas, os professores e as centenas de pessoas que acompanharam de forma virtual por meio de transmissão da Unesc TV no YouTube, foram convidados a refletir sobre os desejos para os novos formados.

Em suas palavras, as oradoras deixaram seus agradecimentos e seus sinceros votos para o futuro que se inicia hoje. “Desejo presença, para que consigamos viver e agradecer a cada dia; esperança, para não cansarmos de acreditar; propósitos, para termos motivos para lutar; verdade, para viver com integridade e respeito; humildade, para que não esqueçamos que somos eternos aprendizes; amor, para termos forças e para nos transformarmos sempre em pessoas melhores”, destacou Maria Victória.

A mensagem das oradoras convidou os formandos a não esmorecerem diante das dificuldades e a lembrarem deste dia como um momento cheio de significados especiais. “Arriscamos em lhes deixar um pedido: sonhem muito, independentemente do caos, acreditem naquilo que desejam com coração. Façam o melhor que está aos seus alcances para transformar o mundo em um lugar com mais justiça, equidade, empatia e respeito. Somos agentes transformadores naquilo que escolhemos ser. Acreditem em vocês e brilhem muito”, completaram.

A cerimônia de Colação de Grau especial foi conduzida nesta noite pelo vice-reitor Daniel Ribeiro Preve e contou com a presença de coordenadores, paraninfos e professores homenageados.

Escolhido como paraninfo de todas as turmas esteve entre os presentes na sala de honra virtual o professor Leandro Neckel; o patrono e coordenador do curso de Design, João Luiz Silva Rieth; o patrono do curso de Engenharia Ambiental e Sanitária, Gustavo José Deibler Zambrano; o patrono do curso de Engenharia Civil, Luiz Renato Steiner; o patrono do curso de Engenharia de Materiais, Ramon Ângelo Mezzari; o patrono do curso de Engenharia de Produção, Wagner Blauth e o patrono do curso de Engenharia Mecânica, Mauro Eduardo Benedet.

Representando as equipes dos cursos participaram ainda os coordenadores Marta Hoffmann, Elaine Guglielmi Pavei Antunes, Hugo Schwalm, Angela Beatriz Coelho Arnt, Leopoldo Pedro Guimarães Filho e Adriano Michael Bernardin.

Já como professores homenageados foram apresentados Barbara Regina Alvarez, Haron Cardoso Fabre e Maico Carlos Vieira, do curso de Design; Maria Cristina Moreira Lalau, dos formandos de Engenharia Ambiental e Sanitária; Gissele Tavares e Pedro Arns, do curso de Engenharia Civil; João Luis Silva Rieth e Sabrina Arcaro, de Engenharia de Materiais; Adilson Oliveira da Silva, Dino Gorini Neto e Sérgio Bruchchen, do curso de Engenharia de Produção; e Estevan Grosch Tavares, Fábio José de Souza e Fernando Arns Rampinelli, de Engenharia Mecânica.

A cerimônia completa pode ser assistida no canal da Unesc TV no YouTube.

Mayara Cardoso - Agência de Comunicação da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

09 de setembro de 2020 às 20:18
Compartilhar Comente

Acadêmicos de Design de Produto desenvolvem projetos inovadores em botas de PVC

Acadêmicos de Design de Produto desenvolvem projetos inovadores em botas de PVC
Atividade foi realizada em parceria com a empresa InPro, de Meleiro (Fotos: Reprodução) Mais imagens

Conceitos cuidadosamente pensados para modelos de bota em PVC para segmentos como agropecuária, construção civil, infantil, voltados ao turismo de aventura, modelos casuais e até ao trabalho hospitalar foram apresentados por acadêmicos da primeira fase do curso de Design de Produto da Unesc na noite desta quinta-feira (13/8).

Com projetos que contemplaram desde pesquisas de mercado, escolha detalhada de materiais, até a construção de protótipos dos modelos, os alunos apontaram soluções inovadoras para professores e para representantes da empresa INNPRO, de Meleiro, parceira do curso na ação. Em encontro virtual, os estudantes mostraram detalhes da pesquisa realizada ao longo do semestre, sua evolução e o resultado final em forma de produto.

As apresentações foram prestigiadas pelos profissionais da INNPRO, Márcio Fermo e Juliano Toretti, que acompanharam as equipes ao longo da pesquisa oferecendo as informações necessárias sobre os produtos já em produção e sobre as demandas de mercado.

Os materiais e conceitos apresentados, conforme o coordenador do curso, João Rieth, surpreenderam. “Se esses resultados estão aparecendo na primeira fase, imagina quando essa turma estiver terminando a graduação? Essa apresentação final é uma aula para todos, pois cada um apresenta sua visão, seu aprendizado e isso nos dá a dimensão de onde conseguimos alcançar”, destacou.

As expectativas superadas se dão, de acordo com João, em especial pela dinâmica completamente diferente vivenciada ao longo dos últimos meses. “Esse foi um dos semestres mais difíceis desde que estamos na Universidade. Todos estão de parabéns, pois se superaram não desistiram e levaram até o final. Além disso, mesmo com todas essas mudanças, houve a interação com outros professores de diferentes disciplinas e isso faz com que os resultados sejam ainda melhores”, completou.

Na visão do professor Giovani De Luca, a dedicação dos representantes da empresa também fez parte do diferencial no resultado. “O fato de ter uma empresa e pessoas do outro lado, que traz situações e pessoas reais, faz com que os alunos já tenham a experiência real em fase de formação. Dificilmente conseguiríamos essa ligação tão intensa com uma situação hipotética, por exemplo. O empenho da InPro mostra o valor que a empresa deu, proporcional ao que os próprios alunos deram ao projeto”, comentou.

Feedback da empresa

Conforme Márcio Fermo, algumas das sugestões trazidas pelos acadêmicos devem ser colocadas em prática em um futuro próximo na empresa INNPRO. “Algumas questões já estavam no nosso radar de necessidades, outras foram grandes ideias trazidas por eles e certamente conseguiremos logo colocá-las em prática e levar esses produtos até os alunos para que vejam que um projeto pode, sim, se tornar real no mercado”, comentou.

A parceria com o curso, para Márcio, deve ser mantida para os próximos anos de décadas. “Nós queremos estar próximos de vocês sempre. Entendemos que só através da educação que a inovação vem”, destacou.

A satisfação foi compartilhada também pelo colega Juliano Toretti, que comentou os pontos altos de cada apresentação e destacou o bom resultado das pesquisas. “Todos os projetos nos chamaram a atenção em alguns detalhes. Muito boas as sacadas. Vocês desenvolveram projetos maravilhosos e no que precisarem de nós estaremos à disposição”, acrescentou.

No total foram oito projetos apresentados de forma individual ou em duplas, todos com focos e resultados diferenciados.

Novos projetos em andamento

Na próxima semana a quinta fase do curso apresentará também o resultado de pesquisas realizadas ao longo do semestre, dessa vez no projeto Talento Duratex. Em sua sétima edição, o projeto neste ano leva o tema “Biônica” como inspiração para os revestimentos cerâmicos.

Conforme Rieth, em 2020, mesmo com as limitações impostas pela pandemia, as empresas ICON e Esmalglass participaram junto ao Grupo Duratex, com as marcas Ceusa e Portinari. “Seis projetos de revestimentos serão apresentados em catálogos e na forma de modelos em cerâmica”, destaca.

Os projetos foram orientados pelos professores Maico Carlos Vieira e João Rieth.

Mayara Cardoso - Agência de Comunicação da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

13 de agosto de 2020 às 21:45
Compartilhar Comente