AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Reitoria faz balanço dos primeiros 700 dias de gestão

Reitoria faz balanço dos primeiros 700 dias de gestão
Equipe gestora recebeu a imprensa nesta terça-feira (30/4) para apresentar dados dos demonstrativos contábeis de 2018, além de explanar os próximos passos a serem trilhados pela Unesc (Fotos: Mayara C Mais imagens

Após chegar aos 700 dias de intenso trabalho à frente da Unesc, a gestão da Instituição volta seus olhares a tudo o que já foi realizado ao longo dos meses, em especial ao avanço conquistado no que diz respeito à sustentabilidade econômica da Universidade. Para mais uma vez informar com clareza sobre os números atuais e ações já efetivadas, além do que já está projetado para os próximos dias, a equipe gestora recebeu a imprensa nesta terça-feira (30/4) no gabinete da reitoria.

Entre os destaques da reitora Luciane Bisognin Ceretta, responsável por apresentar os dados financeiros e a mudança no cenário com relação ao assunto, esteve o gráfico que mostra o avanço dos balanços de 2017, quando as contas foram fechadas com o déficit orçamentário para 2018, ano em que já foi possível chegar a um superávit. Se somarmos a esse número a nossa redução do endividamento bancário, que foi de R$ 5 milhões nesse período, temos um resultado muito expressivo. São números extremamente positivos e que foram aprovados por unanimidade em todos os conselhos”, destaca Luciane.

O Relatório Anual de Atividades de 2018 e a Apreciação das Demonstrações Contábeis de 2018 da Universidade foram apresentados na última semana aos três conselhos que acompanham de perto a gestão da Instituição, o Consu (Conselho Universitário), o Conselho Curador e o CSA (Conselho Superior de Administração). Liderados pela reitora nas reuniões ordinárias, os dados foram apresentados pelo diretor financeiro, Zanoni Elias, e aprovados por unanimidade.

Ainda entre os pontos de destaques apresentados nos balanços, esteve a melhora do EBITDA, indicador utilizado para avaliar empresas de capital aberto e que apresenta a realidade financeira da Insitituição, que subiu de 6,5% para 13,5%.

Para a reitora, os números demonstram a melhora na eficiência contábil da Universidade. “Esses dados apresentam as importantes ações que a gestão da Universidade tem realizado para a sustentabilidade econômica. Todas essas ações permitiram que a Universidade se reposicionasse e que se confirme como uma referência para a região”, coloca a Luciane.

O encontro com a imprensa possibilitou ainda a explanação das metas de ações a serem realizadas ainda em 2019 na Instituição, como a implantação de um modelo próprio de EaD (Ensino a Distância), a criação de um polo da Unesc Virtual em Araranguá, a implantação de espaços de inovação no campus, entre tantos trabalhos já iniciados.

Mayara Cardoso - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

30 de abril de 2019 às 22:05
Compartilhar Comente

Deixe um comentário

Ouça o que está escrito