AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

Empresa Júnior da Unesc oferece curso de Matemática básica

Empresa Júnior da Unesc oferece curso de Matemática básica
Aulas serão realizadas no período noturno, das 19h às 21h, por meio do Google Meet (Foto: Divulgação) Mais imagens

A Empresa Júnior do Curso de Matemática (Promat Júnior) está com as inscrições abertas para mais uma turma do curso de Matemática Básica. Esta edição do projeto será realizada de 26 de abril a 7 de julho com aulas ministradas no período noturno, das 19h às 21h, por meio do Google Meet. A inscrição é realizada mediante o pagamento do valor simbólico de R$ 25.

Conforme a diretora de Ensino da Empresa Júnior, Danielly Vitório, o conteúdo trabalho em aula é adequado para alunos a partir do sexto ano do Ensino Fundamental, do Ensino Médio e ingressantes na graduação que tenham o interesse em aprimorar os conhecimentos matemáticos.

As aulas serão realizadas de forma síncrona com a participação dos estudantes, porém, caso o aluno não tenha disponibilidade no horário de realização, poderá assistir ao conteúdo, que será disponibilizado na sequência no Ambiente Virtual de Aprendizagem.

A inscrição, conforme Danielly, dá direito ainda a um caderno de estudos com abordagem dos conteúdos do curso, exemplos resolvidos e atividades com gabarito, tudo desenvolvido pela própria Empresa Júnior. “Além disso, oferecemos suporte pedagógico para dúvidas durante a realização do curso, avaliação e certificado ao final das atividades”, explica a diretora.

As aulas do curso de Matemática Básica são ministradas por egressos e acadêmicos do curso de graduação da Unesc. Para se inscrever basta acessar o link: www.even3.com.br/imb21/.

Mais informações podem ser obtidas na página do Instagram @Promatjunior, pelo e-mail cursopromat@unesc.net ou ainda no telefone (48) 99973-8817.

Mayara Cardoso - Agência de Comunicação da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

13 de abril de 2021 às 08:30
Compartilhar Comente

Escola de Idiomas da Unesc oferece aulas de Libras, Italiano para Viagem e Francês para Curiosos

Escola de Idiomas da Unesc oferece aulas de Libras, Italiano para Viagem e Francês para Curiosos
Italiano para Viagem e demais cursos terão aulas presenciais, seguindo todos os protocolos de biossegurança (Foto: Divulgação) Mais imagens

A Escola de Idiomas da Unesc traz novidades para o mês de abril e de maio: cursos de Língua Brasileira de Sinais (Libras), de Italiano para Viagem e de Francês para Curiosos. Os interessados já podem fazer suas matrículas e se prepararem para o início das atividades. As aulas ocorrerão presencialmente na Unesc, e, seguindo todos os protocolos de biossegurança, com número reduzido de pessoas na sala.

Libras

A coordenadora pedagógica da Escola de Idiomas da Unesc, Dayane Cortez, explica que o curso de Libras na modalidade presencial é uma novidade e terá aulas às terças-feiras das 20 às 22 horas, totalizando 32 horas de curso e terá início ainda em abril. “Como ainda estamos em situação pandêmica, o número de alunos é reduzido, pelos protocolos de biossegurança, e assim, temos vagas limitadas. Como Libras é uma língua espaço-visual, acreditamos que com aulas presenciais o aproveitamento será maior”, comenta.

A professora de Libras, Ana Paula Marques Luiz, explica que a Língua Brasileira de Sinais é usada pela comunidade surda no Brasil. “Ela é extremamente importante, como qualquer outra, mas por se tratar de uma língua usada pela comunidade surda é também capaz de incluir estas pessoas na sociedade”, comenta Ana Paula.

Já a coordenadora pedagógica da Escola de Idiomas, chama a atenção para a necessidade de a população entender que Libras é uma língua, assim como Alemão ou Francês, por exemplo, e possui estrutura, verbo, variação linguística de lugar para lugar do Brasil, um organismo vivo. “Libras é uma língua oficial do Brasil, com o mesmo status e importância que o Português. Por isso, quando você acessa um órgão público tem direito a um intérprete de Libras, assim como a Unesc garante o direito dos alunos a terem um intérprete de Libras em sala de aula e eventos”.

O curso é voltado para o público em geral, mas atualmente tem uma demanda maior de pedagogos, professores do Ensino Fundamental e Médio e docentes da graduação que, segundo Dayane, querem melhor atender os alunos surdos. “Isso não dispensa o intérprete de Libras da sala de aula, mas ao ter conhecimento sobre Libras, o professor consegue ficar mais próximo do aluno surdo e ter um melhor resultado de seu trabalho”, comenta.

Italiano para viagem

Aos que planejam viagem a passeio ou a trabalho no pós-pandemia, a Escola de Idiomas da Unesc oferece o curso de Italiano para Viagem. Diferente do curso de Italiano já oferecido, este é uma introdução à língua, voltado especificamente para quem precisa aprender o idioma antes de viajar. A professora do curso, Nathália Spencer, explica que se trata de um curso rápido, com carga horária de 20 horas e não é um curso regular de Língua Italiana. As aulas terão início em 3 de maio.

“É voltado especificamente para quem vai viajar e não tem noção nenhuma de Italiano. O curso vai desenvolver situações básicas para que a pessoa consiga se comunicar. Estas situações são baseadas em coisas que o turista vai se deparar, esteja viajando a lazer ou a negócios, como desembarcar no aeroporto, pedir um táxi, pedir o quarto no hotel, fazer compras, pedir comida no restaurante e até em caso de emergência médica. Além disso, os alunos aprenderão também um pouco dos costumes daquele país”.

Francês para curiosos

Destinado a pessoas que gostam da cultura francófona (envolve todos os lugares e pessoas que têm em comum a Língua Francesa), o curso com 20 horas de duração e aulas de 1h30 por semana, terá início em 3 de maio. Vai trabalhar por módulos culturais, como por exemplo, uma aula partir de uma música, onde a professora trará a história da canção, do seu intérprete e da região que ela vem.

“Em uma aula se falará da região da Borgonha, e assim, vamos entrar no assunto vinhos, que são destaque daquele local. Em alguns momentos, a turma receberá convidados especiais, que estão em países que falam francês”, conta a coordenadora pedagógica da Escola de Idiomas da Unesc. À exemplo do curso Italiano para Viagem, Francês para Curiosos não será um curso voltando para a fluência no idioma, mas para auxiliar em situações diversas de uso da língua.

Matrículas

Para saber mais sobre estes e outros cursos ofertados pela Escola de Idiomas Unesc e sobre as matrículas, assim como tirar dúvidas, você pode entrar em contato com a Escola de Idiomas pelo Telefone e Whatsapp Business (48) 3431-4533.

Milena Nandi – Agência de Comunicação da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

12 de abril de 2021 às 10:55
Compartilhar Comente

Engenheiro ambiental e sanitarista surge como profissional essencial para planejar e executar as mudanças necessárias ao futuro da humanidade

Engenheiro ambiental e sanitarista surge como profissional essencial para planejar e executar as mudanças necessárias ao futuro da humanidade
Unesc forma profissionais capazes de pensar e articular projetos em diversas áreas (Foto: Divulgação) Mais imagens

Uso inadequado dos recursos naturais, desmatamento, escassez de recursos hídricos, falta de saneamento básico, mudanças climáticas. O rol de problemas relacionados à saúde do planeta é extensa e a preocupação em agir de forma eficiente para minimizar os impactos ambientais causados pelo homem tem demonstrado, cada vez mais, a importância de estratégias e ações. Neste cenário, a figura do engenheiro ambiental e sanitarista aparece com força, uma vez que este profissional está apto a analisar e buscar formas de dar continuidade ao desenvolvimento social e econômico sem desviar o foco da preservação e conservação dos ecossistemas.

De acordo com a Organização Internacional do Trabalho (OIT), até 2030, serão criados pelo menos 20 milhões de empregos ligados às práticas ambientais responsáveis em todo o mundo. E a julgar pelo tamanho do território brasileiro que carece de proteção ambiental, teremos uma necessidade de muitos profissionais qualificados.

A Unesc oferece um curso de Engenharia Ambiental e Sanitária com 22 anos de experiência na formação de profissionais diferenciados e com consciência da importância de seu trabalho para a sociedade. Na Universidade, o futuro engenheiro ambiental e sanitarista o faz o seu processo de formação tendo ao lado professores e pesquisadores com mestrado e doutorado e experiência em importantes segmentos ambientais da região.

Além disso, o estudante contará com uma excelente estrutura física e com laboratórios como de Física, Química, Solos, Recursos Hídricos, Hidráulica, Geoprocessamento, Informática, Ambiental e Sanitária bem equipados. “Na Unesc, o aprendizado em Engenharia Ambiental e Sanitária também se dá por meio de visitas técnicas e saídas de campo que permitem ao estudante uma maior relação do conteúdo teórico com a prática profissional e fixação do aprendizado”, conta a coordenadora de Engenharia Ambiental e Sanitária da Unesc, Marta Hoffman.

A coordenadora comenta ainda que o curso incentiva os alunos a participarem de projetos de extensão e pesquisa e oferece a experiência de atuarem em uma empresa júnior. “Tudo isso possibilita ao aluno, ainda enquanto acadêmico, fomentar o aprendizado prático em sua área de atuação e se aproximar do mercado de trabalho”.

O curso possui ainda parcerias com empresas, hospitais, prefeituras, fundações, instituições, indústrias, e universidades internacionais e com o Parque Científico e Tecnológico da Unesc (Iparque), onde os acadêmicos realizam estágios obrigatórios e não obrigatórios, possibilitando um maior contato dos mesmos com o mercado de trabalho.

Vasta área de atuação


O profissional formado em Engenharia Ambiental e Sanitária pode atuar em diversas áreas, tanto na esfera pública quanto privada, buscando solução para problemas ambientais demandados pela sociedade, com ética e humanidade.

Segundo a coordenadora do curso, dentro da área de atuação deste profissional estão: controle de poluição; saneamento, com projetos de estação de tratamento de águas e efluentes e de tratamento de resíduos; planejamento e gestão ambiental; recuperação de áreas degradadas; gestão de recursos hídricos; geoprocessamento; educação ambiental; licenciamento ambiental; energias renováveis; consultoria e perícia ambiental e gestão de resíduos.

“Temos egressos atuando em diversas frentes, desde a gestão de projetos, até integrando equipes multidisciplinares, realizando pesquisas ou ajudando a formar novos profissionais. O nosso curso proporciona uma formação abrangente e humana, o que permite aos profissionais estarem em indústrias, empresas de construção civil,  infraestrutura hidráulica e de saneamento, em prefeituras, em organizações, em fundações de meio ambiente e demais instituições públicas de cuidado ambiental, além de serem empreendedores na área”.

Conheça o curso e suas oportunidades


As aulas do ano letivo de 2021 na Unesc iniciam no dia 1º de março e as matrículas para o curso de Engenharia Ambiental e Sanitária seguem abertas nesta reta final. Aos já graduados em Engenharia Ambiental, a Universidade também oferece complemento da formação, na área Sanitária.

O curso oferece aulas no período noturno para as novas turmas e os interessados em conhecer mais de perto a matriz curricular da graduação, assim como a estrutura da Universidade ou as oportunidades de bolsas de estudo podem entrar em contato com a Instituição por meio dos telefones (48) 343145-00 ou (48) 99915-0433.

Milena Nandi – Agência de Comunicação da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

23 de fevereiro de 2021 às 11:00
Compartilhar Comente

Escola de Idiomas da Unesc inicia o ano com novidades

Escola de Idiomas da Unesc inicia o ano com novidades
Um espaço novo e moderno aguarda os estudantes em 2021 (Fotos: Milena Nandi) Mais imagens

O ano novo trouxe novidades na Escola de Idiomas da Unesc. Os alunos que já fazem parte do time, e os novos estudantes, encontrarão um ambiente diferente, com salas repaginadas e equipadas com ainda mais tecnologia. Tudo para proporcionar boas experiências aos alunos e colaborar no processo de aprendizado de novas línguas. A Escola de Idiomas da Unesc oferece aulas de Alemão, Espanhol, Francês, Inglês, Italiano e Português para Estrangeiros e para 2021, expandiu o número de vagas e a oferta de turmas nos turnos da manhã, tarde e noite, além dos sábados pela manhã.

E as novidades não param por aí. Avaliando o cenário atual, a Escola de Idiomas oferece a possibilidade de aulas mediadas por tecnologia ou presenciais (de acordo com os protocolos de biossegurança instalados na Unesc, sempre garantindo a segurança de alunos, professores e funcionários). Também são opções oferecidas, além das aulas em grupos, aulas VIP (individuais ou em dupla), pensadas para suprir as necessidades específicas dos alunos. Segundo a assessora pedagógica do Instituto de Idiomas, Dayane Cortez, a pandemia acelerou processos que já vinham acontecendo no ensino de línguas mediados por tecnologia e expandiu as novas possibilidades de atendimentos e realização de aulas de idiomas. “Os encontros são planejados por nossos professores, sempre levando em conta o perfil individual de cada aluno ou turma. Nenhuma aula é igual por sua dinamicidade e todas levam em consideração as características e necessidades dos nossos estudantes, sem perder o foco do objetivo de cada nível”, afirma.

Outro ponto que mudou para 2021 foi a carga horária. Antes, a Escola oferecia por semestre, 15 encontros de duas horas cada. A proposta agora é que outras duas horas sejam acrescidas aos encontros e destinadas a um diálogo entre professores e alunos, com feedbacks e análise do aprendizado. Dayane explica que esse tempo a mais será diluído ao longo do semestre, e assim, a carga horária passará a 32 horas aula.

Professores que são pesquisadores

Entre os diferenciais oferecidos pela Universidade na área de idiomas está a formação de seus professores. Segundo Dayane, a maioria deles é pesquisador em línguas, o que garante um conhecimento mais profundo do idioma que ele ensina. “A Unesc forma ótimos professores de línguas que estão no mercado. Temos uma equipe qualificada de docentes que pesquisam línguas, professores que desenvolvem material didático, somos acompanhados diretamente pelo curso de Letras que forma professores. Então, o tempo em sala de aula tem um grande valor para os alunos, pois estão na companhia de especialistas da área, que dispõem dos melhores recursos e estratégias pedagógicas para aproveitar esse tempo e orientar os estudantes em seu desenvolvimento ao longo do processo”.

Na Escola de Idiomas da Unesc, o aprendizado se dá também com material didático de qualidade, aulas com a participação de pessoas nativas da língua-alvo em estudo e visitas a espaços de aprendizagem da Universidade, como o laboratório dos cursos de Nutrição e de Gastronomia e a Biblioteca, que diversificam as aulas.

A Escola de Idiomas da Unesc está ligada ao Instituto de Idiomas da Universidade, vinculado ao curso de Letras, coordenado pelo professor Carlos Schikmann. Além dos cursos, o Instituto oferece uma série de serviços, como tradução, revisão, aplicação de prova de proficiência e do Toefl (Test of English as a Foreign Language ou Teste de Inglês como Língua Estrangeira).

Abordagem diferenciada


A assessora pedagógica da Escola de Idiomas da Universidade explica que a metodologia de ensino se apoia na abordagem comunicativa. “A ênfase é fazer que o aluno consiga se comunicar no mundo real. O ensino de gramática faz parte do curso, mas o objetivo é ensinar de uma maneira fluida, sem o peso que a gramática às vezes tem para os alunos. O tempo em sala de aula é nobre para que o aluno teste e ponha em prática o que aprende”, comenta Dayane.

Segundo ela, alguns dos princípios utilizados na abordagem feita na Escola de Idiomas da Unesc são: linguagem autêntica; uso apropriado da língua e comunicação genuína/real em sala de aula. Além disso, os alunos podem expressar suas próprias ideias, a partir de situações significativas de uso, sempre mirando no desenvolvimento das quatro habilidades: oralidade, compreensão, leitura e escrita.

“Dependendo de cada contexto de ensino, nossos professores integrarão outras abordagens de ensino de língua, indo ao encontro de necessidades pedagógicas de professores e alunos. Além das metodologias de ensino, estamos atentos à proposta de integração às tecnologias em sala de aula, além de dispormos da plataforma online Richmond, repleta de conteúdo exclusivo para nossos alunos”, afirma.

Aprenda um novo idioma na Unesc

As matrículas da Escola de Idiomas da Unesc estão abertas até o dia 6 de março. As aulas se iniciam em 8 de março. Mais informações, pelo Whatsapp Business (48) 3431-4533 ou pelo e-mail: institutoidiomas@unesc.net.

Acadêmicos, professores e funcionários da Unesc, egressos, pessoas com mais de 50 anos e alunos de escolas públicas recebem desconto nas mensalidades.

Milena Nandi – Agência de Comunicação da Unesc

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

22 de fevereiro de 2021 às 14:47
Compartilhar Comente (1)

Em um mundo diferente, novas oportunidades de negócio!

Em um mundo diferente, novas oportunidades de negócio!
Curso de Comércio Exterior da Unesc prepara profissionais para fazerem a diferença no mercado (Foto: Divulgação) Mais imagens

Os últimos anos têm sido de muitas tendências e oportunidades para os negócios, em função da globalização das atividades econômicas e dos avanços tecnológicos proporcionados às organizações dos mais variados segmentos. A disrupção nas barreiras tarifárias proporcionaram às corporações, mais condições para ampliar oportunidades de negócios, para além de suas fronteiras. E é neste contexto que se insere o profissional formado em Comércio Exterior pela Unesc.

Com os movimentos proporcionados pela pandemia do Covid-19, estes aspectos se intensificaram: surgiram novas competências profissionais, novas capacidades organizacionais, novos setores e sistemas corporativos e novos modelos de negócio. Contudo, neste percurso de inovação e empreendedorismo, ampliam-se também as oportunidades e condições para desenvolver e aprimorar negócios “transfronteiriços”. Dessa forma, é fundamental compreender as dinâmicas dos negócios internacionais, das relações internacionais e, principalmente, das práticas de Comércio Exterior.

No curso de Comércio Exterior da Unesc, além de estudar profundamente as mudanças contextuais e geopolíticas, os acadêmicos se inserem ativamente em práticas e metodologias que permitem compreender os principais diferenciais competitivos da atividade internacional. Desde a logística internacional, até as práticas de regulação do mercado aduaneiro, são fundamentos estruturantes do perfil do egresso que inserem o profissional em um mundo global.

Com este perfil, com características empreendedoras e aptos a gerenciarem inovações, os profissionais formados pela Universidade desenvolvem competências para atuar no despacho aduaneiro, na gestão estratégica de relações comerciais internacionais, no empreendedorismo internacional e nas relações políticas, econômicas e geopolíticas. Para o coordenador adjunto do curso, Thiago Francisco, ainda existem oportunidades para o desenvolvimento profissional de egressos da Unesc em culturas estrangeiras, gerenciando negócios de impacto nas economias mais diversificadas ao redor do mundo. “Nossos egressos estão na Inglaterra, em Portugal, nos Estados Unidos, na Angola, na China. Isso mostra que formamos profissionais para o mundo e somos um curso globalizado, com uma network forte e com grandes referencias nacionais e internacionais, pesquisando a atividade no comércio internacional”.

Contando com professores que dominam a área, o curso da Unesc também se insere nas discussões que envolvem a Tecnologia e a Governança de Negócios Internacionais. Com a disciplina de Práticas Gerenciais de Comércio Exterior, torna-se possível vivenciar o desenvolvimento de consultorias para a implementação de planos de trabalho para as atividades desenvolvidas no comércio exterior. Além disso, o curso conta com o Programa de Qualificação para Exportação (Peiex), um convênio realizado com a Apex-Brasil, com o objetivo de qualificar as empresas para uma inserção internacional de fora segura e planejada.

Qualidade é o item número um para formar profissionais diferenciados e aptos para uma atuação no mercado internacional. Segundo o coordenador do curso de Comércio Exterior da Unesc, Édson Firmino Ribeiro, ao longo do curso, os estudantes participarão de iniciativas nas áreas de práticas gerenciais e consultorias. “Nossos acadêmicos poderão contar com professores, em sua maioria, mestres e doutores, atuantes em áreas importantes dentro da perspectiva do Comércio Exterior. Além disso, os professores têm forte ligação com o setor produtivo, atuando como assessores ou consultores de empresas, o que abre espaço nas corporações e traz benefícios para o processo de ensino e aprendizagem”, afirma.

Possibilidade de ingresso no curso

As matrículas para o curso de Comércio Exterior, com início das atividades no primeiro semestre de 2021, estão abertas. Os interessados em conhecer detalhes do curso de graduação, suas disciplinas, possibilidades de desconto e ingresso facilitado podem entrar em contato com a Unesc por meio dos telefones (48) 3431-4500 ou (48) 99915-0433 (Whatsapp).

Fonte: AICOM - Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing

17 de fevereiro de 2021 às 11:15
Compartilhar Comente